SENADOR ALOYSIO NUNES MOSTRA A IMORALIDADE DO BNDES EM PARTICIPAR DA FUSÃO DO PÃO DE AÇÚCAR COM O CARREFOUR

Posted On 5 de julho de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) avaliou  ”que a participaçãodo BNDE injetando milhões de reais para a fuso do Pão de Açúcar como Carrefour é :  1º, como “escandalosa” e “absurda” a participação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) numa eventual fusão entre Pão de Açúcar e Carrefour Brasil. O banco admitiu que pode investir até R$ 4,5 bilhões no negócio por meio do BNDESPar, braço de investimentos em empresas da instituição estatal.Na opinião do senador, o governo federal não deve levar adiante a operação. “Eu tenho para mim que o governo federal não vai levar isso adiante porque é tão escandaloso, tão absurdo, tão contrário a qualquer lógica de política industrial, que eu acho que também nisso o governo federal vai voltar atrás”, afirmou, após comparecer à missa de sétimo dia do falecimento do ex-ministro Paulo Renato Souza, na capital paulista.O tucano ressaltou que a verdadeira função do BNDES é promover uma política de desenvolvimento e destacou que o banco estatal não tem de se envolver em uma atividade de varejo. Aloysio lembrou que os grupos envolvidos na fusão são “altamente capitalizados”

EVANGELHO DO DIA 04DE JULHO DE 2001

Posted On 4 de julho de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Evangelho segundo S. Mateus 9,18-26.

Naquele tempo, estava Jesus a falar aos seus discípulos, quando um chefe se aproximou e se prostrou diante d’Ele e disse: « A minha filha acaba de falecer. Mas vem impor a mão sobre ela e viverá.»
Jesus, levantando-se, seguiu o com os discípulos.
Então, uma mulher, que padecia de uma hemorragia há doze anos, aproximou se dele por trás e tocou-lhe na orla do manto,
pois pensava consigo: ‘Se eu, ao menos, tocar nas suas vestes, ficarei curada.’
Jesus voltou-se e, ao vê-la, disse-lhe: «Filha, tem confiança, a tua fé te salvou.» E, naquele mesmo instante, a mulher ficou curada.

Quando chegou a casa do chefe, vendo os flautistas e a multidão em grande alarido, disse:
«Retirai-vos, porque a menina não está morta: dorme.» Mas riam-se dele.
Retirada a multidão, Jesus entrou, tomou a mão da menina e ela ergueu-se.
A notícia espalhou-se logo por toda aquela terra.

 

MEU CÃO UAI

Posted On 2 de julho de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Há mais ou menos dois anos, eu e minha esposa entramos numa “pet shop” e resolvemos olhar uma gaiola onde estavam vários filhotes de cães de diferentes raças. Logo nos chamou atenção um pequeno poodle que correspondeu aos nossos olhares e que lambeu nossas mãos.  A olhar fixamente para nós ele parecia dizer: “Por favor, tirem-me daqui.” Foi amor à primeira vista. Nós, que não pretendíamos ter de novo um cão, pois a “Xuxa”, uma cadela Cocker Spaniel fora atropelada por um motoqueiro, resolvemos levar aquele filhote para nossa casa.

Parecia uma bola de neve, e logo que chegou ao seu novo lar começou a explorar, cheirando aqui e ali.  Qual seria o seu nome?  Isto não foi problema para minha mulher. Ela, mineira de quatro costados, sentenciou: “O nome dele vai ser UAI”. Foi desta forma que o UAI entrou em nossas vidas como, tenho certeza, outros cães entraram na vida de muitos dos meus leitores. O UAI é um grande companheiro e eu diria que entende tudo aquilo que com ele falamos.  O seu dia tem alguns momentos que são especiais.  Como um cão bem educado ele não faz suas necessidades dentro de casa.  De manhã, logo que levantamos, ele, que dorme numa área coberta, bate na porta de vidro como que dizendo “Está na hora de você me levar lá fora.” Mas ele é paciente.  Espera que eu tome meu café, troque minha roupa, calce o tênis, para fazer o seu passeio matinal. Acho incrível que o UAI consiga reter urina por mais de dez horas. Mas ele consegue. Depois que abro o portão ele urina no primeiro poste que encontrar. Caminha com elegância, distinção e dignidade.  De vez em quando olha para trás para ver se estou acompanhando-o. Se, por uma razão ou outra, eu paro; ele volta correndo como a me chamar. Aí então seguimos juntos.  Além do ritual costumeiro de parar frente a todo poste que encontra, o UAI parece um beija-flor, pois vai cheirando flores e folhas em busca, provavelmente, do cheiro de outro cão ou da pista que deixou no dia anterior.

Ao longo do passeio ele acorda todos os cachorros do quarteirão e que estão nas garagens ou jardins das casas.   Aprendeu logo que existem cães amigos e cães bravos.  Quando um cão rosna de maneira diferente, e eu percebo que aquele é bravo, eu lhe digo “UAI, cão bravo. Muito bravo!” Neste caso ele tem dois comportamentos que são uma grande afronta para aquele cão que não pode mordê-lo.  Primeiro, ele corre ao longo de toda a grade,indo e voltando, fazendo  com que o outro cão corra com ele.  Depois de fazer isto várias vezes o UAI perpetra sua segunda vingança. Ele urina solenemente no portão ou defeca.

Quando o cão é amigo, o comportamento é outro. Eles se aproximam, e, mesmo através da grade, eles se cheiram. Cheiram o focinho e cheiram outras partes do corpo que vocês bem sabem quais são.

Em casa ele vive me acompanhando.  Minha mulher diz que é a minha sombra. Quando me vê trabalhando no computador, ele costuma chegar com um sapatinho de borracha que coloca no meu colo.  Quer brincar.  Se jogar o sapatinho pela janela ele vai correndo buscá-lo e o coloca novamente no meu colo. Mas quando não estou disposto a brincar, o UAI entende e fica, enroladinho, debaixo da mesa do computador e próximo aos meus pés.

Como a maioria dos cães ele não gosta de gatos.  Uma vizinha tem um gato preto que fazia incursões na nossa casa e que era tão atrevido que até entrava na cozinha em busca de comida.  Depois da chegada do UAI o gato se escafedeu.

Finalmente, ele aprendeu que precisa nos defender e defender seu território. Quando saímos, ele vai para a garagem e ali permanece vigilante até chegarmos.  Aprendeu a reconhecer o barulho do motor do meu carro e fica colado ao portão. Logo que o portão é aberto ele vem correndo para entrar no carro e nos saudar com grandes lambidas. O UAI veio movimentar e alegrar o nosso dia a dia, e, gratuitamente, nos dá muito amor em troca de muito pouco.

 

(*) Antonio Ribeiro de Almeida é autor de “Contos do Entardecer

 

ONDE ESTÃO OS PADRES QUE DEUS SANTIFICAVA PELOS MILAGRES ?

Posted On 2 de julho de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Eu devia estar com uns sete anos quando minha mae levou-me a Urucânia, um arraial  a poucos quilômetros de Ponte Nova, Minas Gerais, que recebia multidões vindas  de todo este Brasil em busca dos milagres que aconteciam  pela intercessão do padre Antonio Ribeiro Pinto.  Caravanas e mais caravanas e até a Rádio Nacional do Rio de Janeiro deslocou-se para lá   afim de  irradiar para o país os milagres que ocorriam diariamente após a benção que aquele padre negro dava aos romeiros em meados do século XX.   Fiéis marcados pelas mais diversas doenças recebiam, quando mereciam, cura para os seus males.  Hoje ainda conservo sobre  o meu pequeno altar uma foto xerocada do padre Antonio.  Olhava diretamente para a câmara e seus olhos deixavam transparecer bondade e profundidade.  A calva tomava metade de sua cabeça que  mostrava cabelos brancos e a batina ia até ao pescoço onde era ressaltado o colarinho branco.  Ele  pedia à Nossa Senhora das Graças pelos fiéis e a medalha da Senhora era distribuída aos milhares.  Era um instrumento de Deus e da Mãe Maria e sua vida era guiada pelo terço diário e a a oração do ” Breviarium Romanum”  que seguia os decretos  do Concílio de Trento.  com as várias orações do dia em latim.  Não recordo mais  quantos dias ficamos em Urucânia.  Muito se falou de um verdadeiro milagre que  veio por seu intermédio e que curou no ato um alcoolatra.  Conheci este dependente da bebida que estava com a vida arrasada e que quando levantava de manhã ia, primeiro, buscar na venda um gole de cachaça.  Era um homem bom e foi levado até o padre  para receber a benção.  Diezem que padre Antonio pediu para falar com ele a sós e introduzi-o no seu  escritório.  Nunca foi revelado  o que ele ouviu do sacerdote, mas o fato é que quando saiu daquele encontro nunca mais colocou uma gota de alcool na boca.  A Igreja Católica até a metade do século XX teve muitos padres que foram considerados “santos”. Com o tal “agiornamento” do Papa João XXIII o que se viu foi uma desestreturação completa da instituição com a grande ansia de “atualizar-se” aos tempos modernos.  Com isto os terços foram jogados fora, o antigo e belo breviário foi  trocado por orações  no vernáculo e os padres passaram a ter uma vida mundana com o abandono do Latim nos seminários. Colégios seculares foram fechados e as dominicanas, por exemplo, de Belo Horizonte venderam seu colégio Santa Maria sob a alegação que não ” iriam mais ensinar para os filhos dos burgueses.  ”  Subiram os morros e para elas, grande parte reduzida ao estado leigo, pode-se cantar parte da letra da música ” Se subiu, ninguém sabe, ninguém viu e hoje seus nomes mudaram. ” Respondo que os padres que Deus santificava pelos milagres estão hoje junto ao Cristo intercedendo por um clero pecador e despreparado gerado pelos bispos  ideologizados.Tenho saudade dessa igreja e desse clero que um dia existiu.  As reformas enfraqueceram a Igreja Católica de uma tal forma que hoje o contingente de fiéis não passa de uns 25%.  Espero o dia  em que a CNBB fará uma autocrítica e se penitenciará dos erros que a levaram a uma “selva selvagem e escura. “

UMBERTO ECO SE ENTERROU NO CEMITÉRIO DE PRAGA

Posted On 25 de junho de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Logo que lí a notícia que Umberto Eco havia escrito um novo livro, ” O Cemitério de Praga”, e que havia  sido traduzido em Portugal apressei-me em pedir à editora daquele país.  Acontece que o portuga de la não deu a mínima atenção ao meu mail.  Indo à Livraria Cultura de Brasília encontrei o livro, já na sua 3a edição, e o comprei.  Qual não tem sido a minha decepção com este novo livro.  Acho que Ecvo nunca mais  reproduzirá uma obra prima como ” O Nome da Rosa”.  Ficou, contudo, na minha  memória aquele texto construído com beleza e rigor histórico.  ” O Cemitério de Praga”  tem sido para mim uma leitura chata e Eco se perdeu nos detalhes da revolução italiana com o Garibaldi, seus asseclas,  o papel da Maçonaria e dos padres.  Além disto o autor se perde em  nos dar receitas  de comidas italianas como se todo mundo gostasse das massas da bela Itália.  Simonini com o seu Diário não chega a nos interessar e se perde num vai e vem das intrigas italianas, mais adequadas à Máfia, do que uma história que tivesse um interesse universal.  Talvez esteja sendo parcial nesta primeira apreciação, mas não sei mesmo se chegarei ao final destas 559 páginas.  ” O Cemitério de Praga ” é inferior às outras  obras do grande Umberto Eco.  É uma pena, e, por isto, não o recomendo para sua leitura.  Ainda não foi editado no Brasil e a edição minha  foi feita em Portugal.

As soon as I read the news that Umberto Eco had written a new book, “The Cemetery of Prague,” and had been translated in Portugal I hastened to ask the editor of that country. It turns out that it did not portuga of the slightest attention to my mail. Going to Livraria Cultura Brasília found the book, now in its third edition, and bought it. What has not been my disappointment with this new book. I think Ecvo never play a masterpiece like “The Name of the Rose.” It was, however, that text in my memory built with beauty and historical accuracy. “The Cemetery of Prague” has been for me reading a boring and Eco been lost in the details of the Italian revolution with Garibaldi and his minions, the role of Freemasonry and the priests. Furthermore the author is lost to give us recipes for Italian food as if everyone liked the masses of beautiful Italy. Simonini your diary is not enough to interest us and lost an ebb and flow of Italian intrigue, more suited to the Mafia, than a story that had a universal appeal. Perhaps this is the first part being considered, but do not even know this is the end of these 559 pages. “The Cemetery of Prague” is inferior to other works of Umberto Eco is a great pity, and, therefore, not recommend for your perusal. It has not been published in Brazil and my edition was made in Portugal.

SÓ CHAMANDO A MÁFIA AMERICANA


Confesso que me dá nojo  ver à tarde os jornais da Bandeirantes ou outros canais que mostram os crimes do dia.  O pior em tudo isto é que são crimes gratuitos.  Os bandidõess param uma moça e exigem a bolsa ou a vida.  A vida é tomada se a infeliz brasileira  tiver apenas alguns poucos reais na bolsa e o bandidão ainda diz que ” Vai trabalhar vagabunda. ”  Enquanto isto acontece e já atingiu o nível do horror os deputados federais continuam inertes e nem pensam em  mudar o Código Pena ou instituírem  prisão perpétua ou a pena de morte para estes psicopatas. A polícia revela-se impotente no combate ao crime e os bancos já cogitam desativar os caixas eletrônicos porque já foram explodidas mais de 80  nos últimos três meses.  Um conhecido meu que vive nos Estados Unidos me contou uma história interessante.  A Máfia americana existe.  São os filhos ou netos de italianos que sob juramento solene fazem parte da organização.  Escrevo que é uma  organização e a Máfia faz as suas execuções sob encomenda ou contratos que  são religiosamente  cumpridos.  A MÁFIA  poderia diminuir  o crime porra-louca dos nossos  bandidões se fosse oferecida a ela um contrato para atuar no Brasil.  Ela viiria para liquidar os chefões  do crime brasileiro e colocar sob controle os pés de chinelo que só teriam  “permissão” para assaltar, roubar ou matar se o Capo desse autorização para isto.  Passaria a reinar uma grande paz nos morros, nas ruas, nos bancos porque aí é que teriamos um crime organizado e racional.  Chega  de pora-louca!  Já que apolícia não dá conta mesmo e às vezes está até aliada aos bandidos é preciso chamar a Máfia para que haja  ORDEM  neste  bagunça e completa amoralidade.

CABO PAULINO : um conto para o seu final de semana

Posted On 22 de janeiro de 2011

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


CABO   PAULINO

 

Ao meu tio-avô que viveu esta história na cidade de Visconde do Rio Branco na Zona da Mata Mineira no início do século XX.

–          “Olha, Dona Alzira!  Lá vem o  Cabo Paulino.  Pode olhar no relógio que são cinco horas .  Ele não atrasa”, disse Maria, a empregada, para sua patroa.

As duas mulheres olharam o relógio e, de fato, eram cinco horas. Há anos ele mantinha aquela rotina e a empregada já criara o hábito de também vir olhar, da janela, a passagem do Cabo Paulino.  Em Serrana,  era comum ficar na janela e ver quem ia e vinha.  Incontinenti, as duas mulheres foram até a varanda e  Cabo Paulino passou, tirando, respeitosamente, o chapéu para cumprimentá-las. E lá foi ele, nos seus passos miúdos de setuagenário, apoiado no guarda- chuva que usava, fizesse sol ou chuva e que já fazia parte de sua pessoa, como o punhal que trazia sob o paletó.

Daí  a uns dez minutos, passou pela Praça da Matriz e foi chegando à Praça da Estação.  A primeira coisa que foi saber com o agente é se o Expresso estava na hora.  Ficou satisfeito, pois ele chegaria às cinco e quarenta e cinco em ponto.  Naqueles anos da ditadura de Vargas , os trens andavam numa pontualidade britânica.  Cabo Paulino subiu na plataforma e encontrou dois velhos colegas de farda, ainda dos tempos em que pertenceu à Polícia Mineira. Em Serrana fora chefe do destacamento local.  Eles estavam na reserva, como ele, e iam tomar o Expresso para Ponte Nova.  Começaram a reviver o passado e a lamentar o presente.  Um dos praças comentou: “Se Serrana tivesse, hoje, um chefe de destacamento como o senhor, não teria tanto bandido solto pelas ruas”.Cabo Paulino, com um sorriso na boca, comentou: “É a política, camarada.  Quando estava na ativa,  o Senhor se lembra que ladrãozinho a gente tratava com um purgante de sal de Glauber e soltava na estrada de Guiricema. Ele se borrava todo e aqui não voltava mais.(risos) Em  ladrão mais perigoso  aplicava-se  um corretivo com uma boa muxinga, mas tratava-se depois   com água e sal.  Curado, tomava rumo e aqui não punha mais os pés.  Na minha chave, só ficavam mesmo os assassinos.  Estes eram julgados. Hoje, Serrana está cheia de advogados e o nosso pessoal não pode mais dar este tratamento.”

Os dois praças soltaram boas risadas e o mais velho tirou do bolso um maço de cigarros Yolanda 500, escolheu  um cigarro , que, primeiro cheirou e depois  acendeu com uma binga, dando  uma boa tragada. Sabia que Cabo Paulino não fumava e nem bebia, e, por isto, nem sequer lhe ofereceu um cigarro.   A plataforma ia enchendo de gente.  Alguns meninos vendiam algodão- doce bolo de arroz, pirulito e broa de fubá.   Cabo Paulino era metódico e nada disto comia.  Gostava mesmo era de olhar as pessoas.  Um hábito que havia adquirido na sua vida de praça; o de perscrutar as fisionomias para ver se havia algum malfeitor. Depois de algumas baforadas, o praça perguntou-lhe: “Cabo Paulino, se não molesto o Senhor, poderia nos contar como foi mesmo o seu encontro com Zé Vicente no ano de 1915? Eu soube que na Nova Capital de Minas tem cantador que já canta até esta história, porque o famoso Miguel Versejador compôs um cordel em homenagem ao Senhor.”

–          Desconheço, respondeu, meio secamente, o cabo.  Depois de ajeitar o chapéu e

olhar à sua volta, Cabo Paulino resolveu contar para os dois soldados o que havia acontecido.  “Foi assim, ”  começou.

Eu havia prendido o Gervásio Olho de Boi, um dos capangas do Zé Vicente, e que já contava com mais de sete mortes nas costas.  Era um homem mau e, como seu chefe, só matava a traição.  Fiz uma campana na Fazenda da Capoeirinha e, depois de três dias,  prendi o Olho de Boi quando saia para ir beber na venda do Chico Bolão.  Veio que veio chorando como um xibungo,  temendo o corretivo que lhe aplicaria.  Mas eu não tratava os assassinos com corretivos.  Esperava a pena da Justiça e que eles apodrecessem na cadeia.

Logo que Zé Vicente soube da prisão, ameaçou a todos e mandou um recado, por escrito –  consta  nos autos do processo  – que, na quinta-feira, 12 de agosto de 1915, ia invadir minha cadeia para soltar o Gervásio. Só não disse a hora.   Se eu e o praça que estava comigo desejássemos viver que abandonássemos a cadeia..  Não me intimidei.  A cadeia ficava no alto da Praça da Matriz e eu podia ver quem viesse da Praça.  Fiz uma barricada com o praça Donato e lhe disse que íamos esperar o valentão.  Carregamos o nosso fuzil USM1903 e ficamos de guarda. Naquele dia, o comércio da Praça não funcionou.  Era aquele deserto de gente que parecia até um feriado.  O dia foi passando e nada do bandido aparecer.  Ele era mais tinhoso que o rabudo.  Mas logo percebi a sua armação.  Ia subir a rua do Quebra quando a noite caísse e nós não o enxergássemos  para fazer uma boa mira. Acalmei o praça e ficamos atentos com o dedo no gatilho.  Depois da ave-maria, já estava escuro.  Foi naquela hora que ele começou a subir a rua em nossa direção.  Vinha armado até os dentes, mas sozinho.  Era mais uma sombra que uma pessoa.  Falei com o Donato que nós íamos disparar ao mesmo tempo quando eu contasse um, dois, três e já.  Mas que eu ia o deixar chegar a uns quinze metros de nós.  E foi assim. A 1903 deu fogo na mesma hora e o Zé Vicente entregou, naquele momento, sua alma ao Demo.  “

-Vejo, Cabo Paulino, que o Senhor teve muito sangue frio para enfrentar aquela fera. Soube que aqui em Serrana o pessoal até tremia quando o encontrava numa rua ou nas vendas.  É verdade que ele mandava uma coroa de flores para quem matava e que, às vezes, ia visitar sua vítima no velório?

–          Eu soube que sim, meu camarada.  E ninguém da família da vítima dava  um pio.

Naquele momento, o Expresso apitou na  Ponte da Água Limpa.  Era o sinal  de que estava chegando .  Latas de leite, engradados com galinhas eram empurrados aqui e ali para o embarque no vagão de cargas.  Os praças foram se despedindo do Cabo Paulino com  um abraço no velho soldado e procurando o vagão de segunda classe.   Cabo Paulino foi andando pela plataforma, olhando se encontrava mais algum conhecido.  Ao badalar do sino da Estação, a velha maria-fumaça deu um apito agudo e longo partindo novamente em direção ao seu destino. Cabo Paulino retomou o caminho de sua casa.  Passou pela Praça da Matriz, mas não parou em nenhum grupo de homens que conversavam sobre as novidades da cidade ou sobre as moças que haviam  caído  na vida e moravam, agora, na Esquina do Pecado.  Ele era uma companhia meio temida nestas rodas porque conhecia a história de muitos ricaços e como eles haviam feito fortuna.  Não era raro, quando algum descendente de fazendeiros ou comerciantes enaltecia o trabalho do parente, ele interferir meio irônico e perguntando : “Não é o Silveira da Ponte Coberta ?  Eu conheço muito bem.  Seu avô esteve” na minha chave”. Roubava gado e cavalo nas fazendas do Divino de Ubá.  “ As verdades irrefutáveis que jogava no grupo tinham o efeito de uma bomba. E  logo os homens, sorrindo amarelo, saíam de fininho, cada um alegando ir cuidar disto ou daquilo.  Cabo Paulino retomava a  rua do Barreirinho na sua volta para a solidão da sua casa de pau-a- pique.  Quando via luz acesa na casa da Dona Alzira, casada com o seu sobrinho José, ele batia na porta com o cabo do guarda-sol pretextando uma visita.   Nessas noites, sua solidão era menor.  Tomava assento numa cadeira de palhinha e conversava com Dona Alzira, seu sobrinho e a empregada Maria, uma boa hora e meia.  A dona da casa era solícita e estimulava o cabo a falar sobre sua vida, seus vizinhos e se não ia mesmo casar. Dona Alzira era mestra em indicar esta ou aquela viúva que seria para ele uma boa companheira. Solteirão convicto, Cabo Paulino declinava da oferta e acrescentava  : “Dona Alzira, quero viver mais um pouco e mulher, na minha idade, só faz mal. Meu tempo já passou.” Quando percebia que seu sobrinho José bocejava e Maria cochilava, ele ia se despedindo e recomeçando a caminhada para sua casa.

No dia seguinte, Maria, como fazia todas as tardes, foi chegando à janela para ver o Cabo Paulino passar.  Deram cinco horas e ele não passou.  Comentou  : “Uai, cabo Paulino tá atrasado hoje.  O que terá acontecido, Dona Alzira ?  Ele nunca se atrasa!” As duas mulheres foram ficando incomodadas com o inusitado fato.  Dona Alzira resolveu pedir então ao esposo José, sobrinho de Paulino, que desse uma chegada até à casa do mesmo. Chegando lá, José estranhou que todas as janelas estivessem fechadas e resolveu, primeiro, bater na porta, e, em seguida gritar:  “Paulino, oh Paulino!”   A vizinha chegou à janela e informou que hoje ela não havia visto o Cabo e não percebera nenhum movimento no terreiro. Ele sempre saía de manhã para dar milho às galinhas.

José resolveu arrombar a porta que logo cedeu,  pois era fechada apenas por uma tramela. Entrando, foi direto ao quarto e ali encontrou seu tio estendido na cama, com as mãos sobre o peito, segurando um terço.  No momento, entendeu que ele havia falecido durante a noite, provavelmente, vítima de uma síncope cardíaca.  Não sabia que ele tinha aquele terço, pois sempre criticara os padres e  freiras a quem apelidara de “esporas de Cristo”, e não de esposas, como elas se autodenominavam. Resolveu puxar uma cadeira e ficar um pouco ao lado do tio.  Sua face era de alguém que encontrara a paz e um leve sorriso desenhava-se nos seus lábios.  José, na sua dureza característica, fez no coração uma curta prece:

“Cristo, ele foi um bom homem. É preciso dizer mais?”  Duas lágrimas correram pela sua face  e pingaram no assoalho.  Cobriu, até o rosto, o corpo do seu tio e ficou um pouco mais, sem nada pensar, apenas olhando as paredes e a pobreza daquele quarto. Levantou-se e, pé ante pé, foi saindo para providenciar o enterro.

.

LER OS CLÁSSICOS É PRECISO

Posted On 7 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O  conceito de   clássico, “classicus scriptor” (escritor clássico) foi usado no século II d.C pelo gramático Aulo Gélio segundo Houaiss.  Ele se referia aos grandes escritores da Grécia e de Roma.  Eram clássicos Homero, com a sua Ilíada, Hesíodo no texto “Os trabalhos e os dias”, Ésquilo, o grande Cícero e Júlio César.  Quando fiz meu ginásio cheguei a ter o Latim como disciplina e nosso livro de VanDick Londres  da Nóbrega trazia textos de César e de Cícero para  tradução.

.   Os Renascimentos Italiano,  Espanhol  e   Português nos legaram vários clássicos.  Dante Alighieri, com sua “Divina Comédia” – da qual existe excelente tradução de Cristiano Martins – é um clássico. Da Espanha vem Miguel de Cervantes Saavedra com o seu “Dom Quixote de La Mancha”, e, de Portugal o nosso Luís de Camões com “Os Lusíadas”. Dante e Cervantes estão traduzidos para a nossa língua. A leitura de Camões não é nada fácil para os jovens de hoje devido a desculturação que invadiu nosso povo e que tem prejudicado profundamente a formação de uma identidade nacional.   Fala-se mal o português e escreve-se também com severa deficiência lingüística.  Não quero, contudo, desanimar ninguém.  A titulo de exemplo a leitura  de “Os Lusíadas” deve ser feita inicialmente  nos resumos, em prosa, dos Cantos.  Desta forma o leitor intera-se do “enredo” e tendo ao lado um bom dicionário da nossa língua deverá de cada canto, anotar as palavras cujo significado desconhece.  Uma segunda leitura será feita com o domínio dos significados e a beleza e o ritmo dos versos penetrarão fundo na alma do leitor. Mas se não gostar de ler poemas fica a sugestão de leitura e releitura do incomparável Eça de Queirós, do Júlio Dinis, do Almeida Garret, e, modernamente, os contos do Miguel Torga.  Quem não tiver esta disposição deverá começar a ler os clássicos do Brasil, e, neste caso, a leitura de Machado de Assis (1839-1908) é indispensável.   A editora Globo publicou em 1997 as “Obras Completas de Machado de Assis” que qualquer biblioteca pública deve ter.  Neste caso o leitor pode começar por “Dom Casmurro” ou “Memórias póstumas de Brás Cubas”.  Se ele ler estes dois romances não deixará de ler todo o Machado. Atualmente sugiro  a leitura dos romances de Josué Montello,do Heitor Cony, da Lygia Fagundes Telles e  do mineiro Pedro Nava.    Por que devemos ler os clássicos ?  Respondo que  é para que continuemos fiéis à nossa origem greco-latina-portuguesa e  dominemos  melhor nossa linguagem..  Como escreveu Ítalo Calvino “Os clássicos são livros que, quanto mais pensamos conhecer por ouvir dizer, quando são lidos de fato mais se revelam novos, inesperados, inéditos”.

EVANGELHO DO DIA 07 E COMENTÁRIO

Posted On 7 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Livro de Salmos 149(148),1-2.3-4.5-6.9.

Cantai ao SENHOR um cântico novo; louvai-o na assembleia dos fiéis!
Alegre-se Israel no seu criador; regozije-se o povo de Sião no seu rei!
Louvem o seu nome com danças; cantem-lhe ao som de harpas e tambores!
SENHOR ama o seu povo e honra os humildes com a vitória!
Exultem de alegria os fiéis pelo triunfo de Deus e cantem jubilosos em seus leitos!
Entoem bem alto os louvores de Deus, com a espada de dois gumes na mão,
para lhes aplicarem a sentença que estava determinada. Esta é a glória de todos os seus fiéis.

Evangelho segundo S. Lucas 6,12-19.

Naqueles dias, Jesus foi para o monte fazer oração e passou a noite a orar a Deus. Quando nasceu o dia, convocou os discípulos e escolheu doze dentre eles, aos quais deu o nome de Apóstolos: Simão, a quem chamou Pedro, e André, seu irmão; Tiago, João, Filipe e Bartolomeu; Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu, e Simão, chamado o Zelote; Judas, filho de Tiago, e Judas Iscariotes, que veio a ser o traidor. Descendo com eles, deteve-se num sítio plano, juntamente com numerosos discípulos e uma grande multidão de toda a Judeia, de Jerusalém e do litoral de Tiro e de Sídon, que acorrera para o ouvir e ser curada dos seus males. Os que eram atormentados por espíritos malignos ficavam curados; e toda a multidão procurava tocar-lhe, pois emanava dele uma força que a todos curava.

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

Bem-aventurada Teresa de Calcutá (1910-1997), Fundadora das Irmãs Missionárias da Caridade
Não há maior amor (a partir da trad. Il n’y a pas de plus grand amour, Lattès 1997, p. 24)

«Jesus foi para o monte fazer oração e passou a noite a orar a Deus»

Os contemplativos e os ascetas de todos os tempos e de todas as religiões sempre procuraram a Deus no silêncio, na solidão dos desertos, das florestas, das montanhas. O próprio Jesus viveu quarenta dias em absoluta solidão, passando longas horas num coração a coração com o Pai, no silêncio da noite.

Nós próprios somos chamados a retirar-nos a espaços para um silêncio mais profundo, para um isolamento com Deus; a estar a sós com Ele, não com os nossos livros, os nossos pensamentos, as nossas recordações, mas num despojamento perfeito; a permanecer na Sua presença – silenciosos, vazios, imóveis, expectantes.

Não podemos encontrar a Deus no barulho, na agitação. Veja-se na natureza: as árvores, as flores e a erva dos campos crescem em silêncio; as estrelas, a lua, o sol movem-se em silêncio. O essencial não é o que possamos dizer mas o que Deus nos diz e o que Ele diz a outros através de nós. Ele escuta-nos no silêncio; no silêncio fala às nossas almas. No silêncio é-nos dado o privilégio de escutar a Sua voz:

Silêncio dos nossos olhos.
Silêncio dos nossos ouvidos.
Silêncio das nossas bocas.
Silêncio dos nossos espíritos.
No silêncio do coração,
Deus falará.

FLAMENGUISTAS DESTE BRASIL : VAMOS VIBRAR COM O HINO DO RUBRO-NEGRO

Posted On 5 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O BRASIL TEM POVO OU APENAS UM POVINHO ?

Posted On 5 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Dora Kramer no Estadão de hoje, página A-7, no seu artigo ” às Favas com os direitos”  acertou no alvo ao mostrar que o problema  brasileiro é  menos dos líderes do que deste “povinho” semi-alfabetizado – quando muito – e que  olha mais para  a sua barriga, o carnaval e o sexo do que para outras coisas.  É quase um animal que ainda não chegou à idade da Razão e não entende e não quer entender o que é Democracia e Ética.  Transcrevo parte do seu artigo que vale a pena ser lido e repassado. “

A ética foi enterrada como indigente. Em silêncio, sem choro nem vela e à grande maioria pouco se lhe dá se o Estado aumenta seu poder discricionário, invade privacidade, agride a Constituição, barbariza com o patrimônio público, usa, abusa e ainda sai dizendo que o que vem debaixo não o atinge.Distorce a verdade para fazer o papel de vítima sabendo-se na condição de algoz.Permite que o ministro da Fazenda assuma como normal a insegurança dos dados do contribuinte e, se alguém diz que isso é crime de responsabilidade, acusa “golpe eleitoral”.Enquanto isso os mais pobres se alegram em poder comprar, atribuindo a bonança à ação de um homem sem compreender que é resultado de um processo; os mais ricos não querem outra vida; os mais retrógrados nunca tiveram tanto cartaz; os mais à esquerda não perdem a esperança de vir a ter; os mais conscientes percebem algo fora do lugar, mas preferem se irritar porque não têm ao seu lado também um líder carismático e sem pudor.

MEDITE E APLIQUE ESTA PASSAGEM DO ALCORÃO

Posted On 5 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


151 –

Dize : ” Vinde, eu recitarei o que vosso Senhor vos proibiu: nada lhe Lhe associeis .  E tende benevolência  para com os pais.  E não mateis vossos filhos, com receio de indigência.  Nós vos damos sustento e a ekes.  E não vos aproximeis das obscenidades, aparentes e latentes.  E não mateis a Alma que Allah proibiu matar, exceto se com justa razão.  Eis o que ele vos recomenda, para razoardes “. ( Da Surata AL-AN-AM, a Sura dos Rebanhos ) tradução do Dr. Helmi NASR, prO foessor de Estudos Árabes e Islâmicos  da USP , Brasil )

Comentário de um cristão :

Há uma perfeita concordância entre esta surata e a doutrina cristã que pede que honremos  os pais.  Por temor de falta de recursos vemos, atualmente, mesmo no Brasil o aborto ser aprovdo em lei no Congresso.  Não nos espantemos se sobre o nosso país  a Ira de Deus vir sobre este povo que  descrê das leis de Deus  e vive na mentira, na corrupção na prática do aborto.  Quando menos se esperar o Senhor Deus – Allaah derramará sobre nós o Cálice de sua Ira.

ANJO DO DIA 05 DE SETEMBRO SEGUNDO A CABALA

Posted On 5 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Anjo guardião – no. 24 – Haheuiah

Esse anjo pertence ao Coro dos Tronos

Atributo:- Deus bom por si mesmo.

Invoca-se este gênio para obter a graça e a misericórdia. Espírito de graça, misericórdia e perdão; protege contra os animais nocivos, ladrões e assassinos; dá sinceridade, amor à verdade e às ciências exatas. O gênio contrário influi sobre todos seres nocivos; induz os homens a cometer crimes e ações ilícitas.

Horário de Invocação e Salmos dedicados ao seu Anjo Cabalístico:

1.) 07h40 às 08h00

2.) Salmo 32, Versículo 18

3.) Prece: Haheuiah, coloque-me sob sua proteção. Seja meu guia e instrutor, para que eu não perca o rumo nessa vida. Quero ser conduzido rumo à luz, e espero que minha inteligência possa compreendê-la. Só assim entenderei o mundo, a mim mesmo e também ao seu poder. Desejando ser a pedra angular da sua obra, ponho-me sob sua proteção, meu guia e senhor.

EVANGELHO DO DIA 05 DE SETEMBRO E COMENTÁRIO

Posted On 5 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Carta a Filémon 1,9-10.12-17.

levado pelo amor, prefiro pedir como aquele que sou: Paulo, um ancião e, agora, até prisioneiro por causa de Cristo Jesus. Peço-te pelo meu filho, que gerei na prisão: Onésimo, É ele que eu te envio: ele, isto é, o meu próprio coração. Eu bem desejava mantê-lo junto de mim, para, em vez de ti, se colocar ao meu serviço nas prisões que sofro por causa do evangelho. Porém, nada quero fazer sem o teu consentimento, para que o bem que fazes não seja por obrigação, mas de livre vontade. É que, afinal, talvez tenha sido por isto que ele foi afastado por breve tempo: para que o recebas para sempre, não já como escravo, mas muito mais do que um escravo: como irmão querido; isto especialmente para mim, quanto mais para ti, que com ele estás relacionado tanto humanamente como no Senhor. Se, pois, me consideras em comunhão contigo, recebe-o como a mim próprio.

Evangelho segundo S. Lucas 14,25-33.

Seguiam com ele grandes multidões; e Jesus, voltando-se para elas, disse-lhes: «Se alguém vem ter comigo e não me tem mais amor que ao seu pai, à sua mãe, à sua esposa, aos seus filhos, aos seus irmãos, às suas irmãs e até à própria vida, não pode ser meu discípulo. Quem não tomar a sua cruz para me seguir não pode ser meu discípulo. Quem dentre vós, querendo construir uma torre, não se senta primeiro para calcular a despesa e ver se tem com que a concluir? Não suceda que, depois de assentar os alicerces, não a podendo acabar, todos os que virem comecem a troçar dele, dizendo: ‘Este homem começou a construir e não pôde acabar.’ Ou qual é o rei que parte para a guerra contra outro rei e não se senta primeiro para examinar se lhe é possível com dez mil homens opor-se àquele que vem contra ele com vinte mil? Se não pode, estando o outro ainda longe, manda-lhe embaixadores a pedir a paz. Assim, qualquer de vós, que não renunciar a tudo o que possui, não pode ser meu discípulo.»

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

João Cassiano (c. 360-435), fundador de mosteiro em Marselha
Conferências, I, 6-7, (a partir da trad. de SC 42, pp. 83-85)

Oferecer a Deus o nosso verdadeiro tesouro

Muitos dos que, para seguirem a Cristo, tinham desprezado fortunas consideráveis, enormes quantias de ouro e de prata e propriedades magníficas, mais tarde deixaram-se apegar a um raspador, a um estilete, a uma agulha, a um junco de escrita. […] Depois de terem distribuído todas as suas riquezas por amor a Cristo, retiveram a sua anterior paixão e colocaram-na em futilidades, sendo capazes de se deixar levar pela cólera para as reter. Não tendo a caridade de que fala São Paulo, a sua vida foi tocada pela esterilidade. O bem-aventurado apóstolo previu essa infelicidade: «Ainda que eu distribua todos os meus bens e entregue o meu corpo para ser queimado, se não tiver amor, de nada me aproveita», dizia (1Cor 13, 3). Prova evidente de que não atingimos de imediato a perfeição pela simples renúncia a todas as riquezas e pelo desprezo de todas as honras, se a isso não juntarmos essa caridade cujas características o apóstolo descreve.

Ora esta caridade apenas se encontra na pureza do coração. Porque rejeitar a inveja, a arrogância, a ira e a frivolidade, não procurar o próprio interesse, não se alegrar com a injustiça, não guardar ressentimento e tudo o resto (1Cor 13, 4-5), que é tudo isso se não oferecer continuamente a Deus um coração perfeito e muito puro e mantê-lo isento de toda a moção das paixões? Assim, a pureza do coração será o fim último das nossas acções e dos nossos desejos.

JORNAL DO IRÃ CLASSIFICA CARLA BRUNI DE PROSTITUTA

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


A primeira dama francesa, Carla Bruni, que possou nua várias vezes e que está  aí  para que Vocês a examinem com as duas mãos cobrindo a genitália, foi classificada  pelo jornal iraniano ” Kayhan” como PROSTITUTA  e que merecia morrer.  O governo francês  reagiu imediatamente  dizendo que a ofensa ( será ? ) é inaceitável.  Como é do conhecimento até das pedras de Paris a  jovem Bruni antes de pescar este presidente zonzo esteve em muitas camas da Europa.  Mas, como se  sabe, os francses gostam de mulheres com experiênci e virgens para eles é uma perda de tempo.  Os europeus acham que esta classificação  foi feita porque a a hoje “respeitável” sra. Bruni defende a iraniana que esta condenada a morte por adultério.

La dame le français en premier, Carla Bruni, qui peuvent nu à plusieurs reprises et il est là pour vous d’examiner avec les deux mains couvrant ses parties génitales, a été classée par le journal iranien “Kayhan” en tant que prostituées et qui méritait de mourir. Le gouvernement français a immédiatement réagi en disant que l’infraction (c’est?) Est inacceptable. Il est bien connu pour les pierres de Paris Bruni jeunes poissons avant que ce président a été stupéfait de lits en Europe. Mais comme nous le savons, les Francs comme des femmes expérimentées et vierges pour eux, c’est une perte de temps. Européens pensent que cette classification a été faite aujourd’hui, car aa «respectable» Mme. Bruni fait valoir que les iraniens condamnés à mort pour adultère.

POR QUE DEVEMOS LER OS AUTORES CLÁSSICOS ?

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O  conceito de   clássico, “classicus scriptor” (escritor clássico) foi usado no século II d.C pelo gramático Aulo Gélio segundo Houaiss.  Ele se referia aos grandes escritores da Grécia e de Roma.  São  clássicos Homero, com a sua Ilíada, Hesíodo no texto “Os trabalhos e os dias”, Ésquilo, o grande Cícero e Júlio César.  Quando fiz meu ginásio cheguei a ter o Latim como disciplina e nosso livro de VanDick Londres  da Nóbrega trazia textos de César e de Cícero para  tradução.

.   Os Renascimentos Italiano,  Espanhol  e   Português nos legaram vários clássicos.  Dante Alighieri, com sua “Divina Comédia” – da qual existe excelente tradução de Cristiano Martins – é um clássico. Da Espanha vem Miguel de Cervantes Saavedra com o seu “Dom Quixote de La Mancha”, e, de Portugal o nosso Luís de Camões com “Os Lusíadas”. Dante e Cervantes estão traduzidos para a nossa língua. A leitura de Camões não é nada fácil para os jovens de hoje devido a desculturação que invadiu nosso povo e que tem prejudicado profundamente a formação de uma identidade nacional.   Fala-se mal o português e escreve-se também com severa deficiência lingüística.  Não quero, contudo, desanimar ninguém.  A titulo de exemplo a leitura  de “Os Lusíadas” deve ser feita inicialmente  nos resumos, em prosa, dos Cantos.  Desta forma o leitor intera-se do “enredo” e tendo ao lado um bom dicionário da nossa língua deverá de cada canto, anotar as palavras cujo significado desconhece.  Uma segunda leitura será feita com o domínio dos significados e a beleza e o ritmo dos versos penetrarão fundo na alma do leitor. Mas se não gostar de ler poemas fica a sugestão de leitura e releitura do incomparável Eça de Queirós, do Júlio Dinis, do Almeida Garret, e, modernamente, os contos do Miguel Torga.  Quem não tiver esta disposição deverá começar a ler os clássicos do Brasil, e, neste caso, a leitura de Machado de Assis (1839-1908) é indispensável.   A editora Globo publicou em 1997 as “Obras Completas de Machado de Assis” que qualquer biblioteca pública deve ter.  Neste caso o leitor pode começar por “Dom Casmurro” ou “Memórias póstumas de Brás Cubas”.  Se ele ler estes dois romances não deixará de ler todo o Machado. Atualmente sugiro  a leitura dos romances de Josué Montello,do Heitor Cony, da Lygia Fagundes Telles e  do mineiro Pedro Nava.    Por que devemos ler os clássicos ?  Respondo que  é para que continuemos fiéis à nossa origem greco-latina-portuguesa e  dominemos  melhor nossa linguagem..  Como escreveu Ítalo Calvino “Os clássicos são livros que, quanto mais pensamos conhecer por ouvir dizer, quando são lidos de fato mais se revelam novos, inesperados, inéditos”.

MEDITE E ENCONTRE A GRANDE PAZ NESTA PASSAGEM DO ALCORÃO

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Em nome de Allah, o Clmente, o Misericordioso.

1. O desígnio de Allah virá, não trateis de apressá-lo.  Glorificado e exaltado seja.  Longe está de ter parceiros.( 16a Surata, as Abelhas,  trad. do Prof. Samir El Hayek, 11a ed., 2001 )

Comentário de um cristão :  Este versículo 1 é muito apropriado para os dias de hojes.  Nós vivemos dizendo que não temos tempo  ou que Allah parece que se ausentou da hsitória do mudo e que o mal se manifesta em toda parte e os homens e mulheres esqueceram que Allah tem seu tempo certo.  Acontece que quando Ele e manifestar estaremos  implorandod que não viesse logo.

ANJO DO DIA 01 DE SETEMBRO SEGUNDO A CABALA

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Anjo guardião – no. 20 – Palmaliah

Esse anjo pertence ao Coro dos Tronos

Atributo:–  Deus Redentor.

Invoca-se para fortalecer a religião, a teologia e a moral. Converte ao Cristianismo; domina na religião, na teologia e na moral; confere prudência e intrepidez; inclina à castidade e piedade, dando vocação ao sacerdócio. O gênio contrário domina o ateísmo, os apóstatas, os libertinos e os renegados.

Horário de Invocação e Salmos dedicados ao seu Anjo Cabalístico:

1.) 06h20 às 06h40

2.) Salmo 119, Versículo 2

3.) Prece: Palmaliah, ilumine minha fé, para que eu entenda as verdades deste mundo. Que eu seja um exemplo para aqueles que se sentem perdidos e ainda não encontraram seu verdadeiro caminho. Dê-me solidão, para que eu possa meditar nas coisas superiores. E, quando minha alma se aproximar da sua ciência sagrada, ajude-me a esclarecer os que necessitam do seu esplendor, para que eu transmita a eles a semente da eternidade.

EVANGELHO DO DIA 01 DE SETEMBRO E COMENTÁRIO

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Livro de Salmos 33(32),12-13.14-15.20-21.

Feliz a nação cujo Deus é o SENHOR, o povo que Ele escolheu para sua herança.
Do céu, o SENHOR contempla e vê toda a humanidade;
do trono em que está sentado, observa todos os habitantes da terra.
Ele formou o coração de cada homem e discerne todas as suas obras.
A nossa alma espera no SENHOR; Ele é o nosso amparo e o nosso escudo.
Nele se alegra o nosso coração e em seu nome santo confiamos.

Evangelho segundo S. Lucas 4,38-44.

Deixando a sinagoga, Jesus entrou em casa de Simão. A sogra de Simão estava com muita febre, e intercederam junto dele em seu favor. Inclinando-se sobre ela, ordenou à febre e esta deixou-a; ela erguendo-se, começou imediatamente a servi-los. Ao pôr-do-sol, todos quantos tinham doentes, com diversas enfermidades, levavam-lhos; e Ele, impondo as mãos a cada um deles, curava-os. Também de muitos saíam demónios, que gritavam e diziam: «Tu és o Filho de Deus!» Mas Ele repreendia-os e não os deixava falar, porque sabiam que Ele era o Messias. Ao romper do dia, saiu e retirou-se para um lugar solitário. As multidões procuravam-no e, ao chegarem junto dele, tentavam retê-lo, para que não se afastasse delas. Mas Ele disse-lhes: «Tenho de anunciar a Boa-Nova do Reino de Deus também às outras cidades, pois para isso é que fui enviado.» E pregava nas sinagogas da Judeia.

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

Cardeal Joseph Ratzinger (Papa Bento XVI)
Retiro pregado no Vaticano, 1983 (a partir da trad. Le Ressuscité, DDB 1986, p.10)

«Retirou-Se para um lugar solitário.»

O deserto é o lugar do silêncio e da solidão, onde a pessoa se distancia do quotidiano, onde escapa ao ruído e à superficialidade. O deserto é o lugar do absoluto, o lugar da liberdade, onde o homem se confronta com as suas necessidades mais radicais. Não foi por acaso que o monoteísmo nasceu no deserto. Neste sentido, trata-se do domínio da graça; vazio de preocupações, é no deserto que o homem encontra Deus.

As grandes coisas começam no deserto, no silêncio, na pobreza. Nem sequer poderíamos participar na missão do Evangelho sem entrarmos nesta experiência do deserto, do seu despojamento, da sua fome; a fome bem-aventurada de que o Senhor fala no Sermão da Montanha (Mt 5, 6) não nasce da saciedade dos fartos.

E não esqueçamos que o deserto de Jesus não termina com os quarenta dias que se seguiram ao baptismo. O Seu último deserto será o do Salmo 21: «Meu Deus, meu Deus, por que Me abandonaste?» Será deste deserto que brotarão as águas da vida do mundo.

LEUVIAH É O ANJO DIA 31 DE AGOSTO

Posted On 31 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


LEUVIAH  ( sSegundo Moninca Buonfiglio )
Categoria:
Tronos

Príncipe:
Tsaphkiel

Protege os dias:
07/04 – 19/06 – 31/08 – 12/11 – 24/01

Número de sorte:
12

Mês de mudança: dezembro

Carta do tarô:
O enforcado

Está presente na Terra:
de 6:00 às 6:20 da manhã

Salmo:
39

O Anjo:
Este anjo ajuda a obter a graça de Deus e atua sobre a memória e a inteligência.

Influência:
Quem nasce sob esta influência é amável, jovial, modesto em suas palavras e simples em sua maneira de ser. Suportará todas as adversidades com paciência e resignação, pois sabe que isto é uma forma de evolução material e espiritual. Extremamente curioso, estará sempre disposto a aprender e passar cada experiência realizada. Terá refinamento cultural e amará a música, a poesia e as artes em geral. Terá proteção angelical contra os adversários, contra aqueles que tentarem prejudicá-lo ou que usarem seu nome impropriamente. Esta proteção é como uma grande muralha de luz etérica, invisível aos olhos das pessoas comuns. Terá completo domínio sobre os acontecimentos de sua vida. Alcançará a graça de Deus quando permanecer firme e decidido na luta por seus ideais.

Profissionalmente:
Poderá obter sucesso em atividades relativas à arqueologia, museus e na conservação da memória do passado através de arquivos e livros. Como hobby poderá trabalhar com a fabricação de objetos para entrar em contato com os anjos ou com manuais para desenvolver e fortificar a memória.

Anjo Contrário:
“Domina a imoralidade, o desgosto, as perdas, o deboche e o desespero. A pessoa sob a influência deste anjo contrário poderá utilizar objetos de uso pessoal para fazer trabalhos de “amarração”, feitiços e patuás. Estará contra as leis morais e sociais e interpretará de maneira maldosa os textos arcaicos e/ou sagrados. Poderá ter uma visão apocalíptica do mundo.

EANGELHO DO DIA 31 E COMENTARIO

Posted On 31 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Livro de Salmos 145(144),8-9.10-11.12.13-14.

SENHOR é clemente e compassivo, é paciente e misericordioso.
SENHOR é bom para com todos; a sua ternura repassa todas as suas obras.
Louvem-te, SENHOR, todas as tuas criaturas; todos os teus fiéis te bendigam.
Dêem a conhecer a glória do teu reino e anunciem os teus feitos poderosos,
para mostrar aos homens as tuas proezas e o esplendor glorioso do teu reino.
teu reino é um reino para toda a eternidade e o teu domínio estende-se por todas as gerações.
SENHOR ergue todos os que caem e reanima todos os abatidos.

Evangelho segundo S. Lucas 4,31-37.

Desceu, depois, a Cafarnaúm, cidade da Galileia, e a todos ensinava ao sábado. E estavam maravilhados com o seu ensino, porque falava com autoridade. Encontrava-se na sinagoga um homem que tinha um espírito demoníaco, o qual se pôs a bradar em alta voz: «Ah! Que tens que ver connosco, Jesus de Nazaré? Vieste para nos arruinar? Sei quem Tu és: o Santo de Deus!» Jesus ordenou-lhe: «Cala-te e sai desse homem!» O demónio, arremessando o homem para o meio da assistência, saiu dele sem lhe fazer mal algum. Dominados pelo espanto, diziam uns aos outros: «Que palavra é esta? Ordena com autoridade e poder aos espíritos malignos, e eles saem!» A sua fama espalhou-se por todos os lugares daquela região.

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

São [Padre] Pio de Pietrelcina (1887-1968), capuchinho
Ep 3, 626 e 570; CE 34 (a partir da trad. Une pensée, Mediaspaul 1991, p. 40)

«Sai desse homem!»

Não te assustes com as tentações; através delas, Deus quer provar e fortificar a tua alma, dando-lhe ao mesmo tempo a força de as vencer. Até agora, a tua vida foi a de uma criança; doravante, o Senhor quer tratar-te como adulto. Ora as provas do adulto são bem superiores às da criança, e é isso que explica por que razão ficas inicialmente perturbada. Mas a vida da tua alma reencontrará rapidamente a calma, ela não tardará. Tem paciência, e tudo melhorará.

Portanto, abandona estas vãs apreensões. Lembra-te de que não é a sugestão do maligno que faz a falta, mas antes o consentimento dado a essas sugestões. Só uma vontade livre é capaz do bem e do mal. Mas, quando a vontade geme sob a prova infligida pelo Tentador, e quando não quer o que lhe é proposto, nem falta é, mas sim virtude.

Guarda-te de cair na agitação, lutando contra as tentações, porque isso apenas as fortificará. É necessário tratá-las com desprezo, sem te preocupares com elas. Volta o teu pensamento para Jesus crucificado, para o Seu corpo depositado nos teus braços e diz: «Eis a minha esperança, a fonte da minha alegria! Uno-me a Ti com todo o meu ser, e não Te soltarei antes de me pores em segurança».

PARA SUA REFLEXÃO UM ÍTEM DO ALCORÃO

Posted On 20 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped one response


AL BÁCARA , 2A surata

62.  Os crentes, os judeus, os cristãos e os sabeus, enfim todos os que crêem em Allah, no Dia do Juizo Final, e praticam o bem , receberão a sua recompensa do seu Senhor e não serão presas do temor, nem se angustiarão.   ( Tradução do Prof. Samir El Hayek, 11 edição, 2001 )

ANJO DIA 20 DE AGOSTO SEGUNDO BUONFIGLIO

Posted On 20 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


CAHETHEL
Categoria:
Serafim

Príncipe:
Metatron

Protege os dias:
27/03 – 08/06 – 20/08 – 01/11 – 13/01

Número de sorte:
6

Mês de mudança: junho

Carta do tarô:
Os enamorados

Está presente na Terra:
de 2:20 às 2:40 da manhã

Salmo:
94 e/ou 95

O Anjo:
Invoca-se este anjo para obter a proteção de Deus, para inspirar o homem a elevar-se à Deus para agradecer os bens de consumo provenientes da terra. Este anjo exerce domínio sob a produção agrícola, principalmente as que são necessárias para a sobrevivência de homens e animais.

Influência:
“Quem nasce sob a influência deste anjo possui harmonia e equilíbrio entre espírito e matéria, tem maturidade e domínio sobre seu “eu”. Tem clara visão e compreensão do mundo e de suas leis, tendo muita força para resistir e sempre continuar em frente. Devido à sua maturidade espiritual, muitas vezes sente-se deslocado entre amigos ou familiares que têm dificuldade em entendê-lo. Segue seu coração e tem grande intuição, mostrando-se humilde quando transmite com sabedoria seu conhecimento e entendimento. Não tem medo de nada e está sempre de malas prontas para viajar e descobrir novos horizontes. Poderá ser um pioneiro na produção agrícola, utilizando métodos modernos e tecnologia avançada. Sua terra será sua vida e sua casa, sabendo dividir generosamente sua prosperidade com os mais próximos. Embora seu sucesso possa ser atribuído à sorte, agradece sempre a Deus por tudo que consegue.”

Profissionalmente:
“Poderá ter sucesso na agronomia e medicina veterinária, principalmente na especialidade de reprodução animal. Poderá ser rico proprietário de terras ou comerciante de produtos agrícolas. Gostará de cultivar plantas aromáticas, flores e árvores frutíferas. Poderá dedicar-se ao paisagismo ou tornar-se um “expert” em plantas medicinais. Terá grande curiosidade a respeito de Florais de Bach e a possibilidade de fabricar perfumes com fragrâncias florais. Enfim, poderá fazer sucesso com qualquer coisa que tenha relação com a terra ou com a natureza, pois respeita e defende suas leis.”

Anjo Contrário:
“Domina o orgulho, a blasfêmia, o ateísmo e a corrupção. A pessoa dominada por este anjo contrário, poderá fazer tudo que é nocivo para a produção agrícola: produzir muito somente para enriquecer e se for de seu interesse, queimar tudo sem nunca doar; produzir plantas nocivas como a papoula e outras das quais se extraem os alucinógenos; vender terras estéreis e especular visando o lucro imediato. Poderá provocar situações conflituosas com família e superiores, agindo contra todas as leis, principalmente as da natureza. Por agir dessa maneira suas atividades têm sempre um resultado medíocre.

Descubra qual é o seu anjo:

CAHETHEL
Categoria:
Serafim

Príncipe:
Metatron

Protege os dias:
27/03 – 08/06 – 20/08 – 01/11 – 13/01

Número de sorte:
6

Mês de mudança: junho

Carta do tarô:
Os enamorados

Está presente na Terra:
de 2:20 às 2:40 da manhã

Salmo:
94 e/ou 95

O Anjo:
Invoca-se este anjo para obter a proteção de Deus, para inspirar o homem a elevar-se à Deus para agradecer os bens de consumo provenientes da terra. Este anjo exerce domínio sob a produção agrícola, principalmente as que são necessárias para a sobrevivência de homens e animais.

Influência:
“Quem nasce sob a influência deste anjo possui harmonia e equilíbrio entre espírito e matéria, tem maturidade e domínio sobre seu “eu”. Tem clara visão e compreensão do mundo e de suas leis, tendo muita força para resistir e sempre continuar em frente. Devido à sua maturidade espiritual, muitas vezes sente-se deslocado entre amigos ou familiares que têm dificuldade em entendê-lo. Segue seu coração e tem grande intuição, mostrando-se humilde quando transmite com sabedoria seu conhecimento e entendimento. Não tem medo de nada e está sempre de malas prontas para viajar e descobrir novos horizontes. Poderá ser um pioneiro na produção agrícola, utilizando métodos modernos e tecnologia avançada. Sua terra será sua vida e sua casa, sabendo dividir generosamente sua prosperidade com os mais próximos. Embora seu sucesso possa ser atribuído à sorte, agradece sempre a Deus por tudo que consegue.”

Profissionalmente:
“Poderá ter sucesso na agronomia e medicina veterinária, principalmente na especialidade de reprodução animal. Poderá ser rico proprietário de terras ou comerciante de produtos agrícolas. Gostará de cultivar plantas aromáticas, flores e árvores frutíferas. Poderá dedicar-se ao paisagismo ou tornar-se um “expert” em plantas medicinais. Terá grande curiosidade a respeito de Florais de Bach e a possibilidade de fabricar perfumes com fragrâncias florais. Enfim, poderá fazer sucesso com qualquer coisa que tenha relação com a terra ou com a natureza, pois respeita e defende suas leis.”

Anjo Contrário:
“Domina o orgulho, a blasfêmia, o ateísmo e a corrupção. A pessoa dominada por este anjo contrário, poderá fazer tudo que é nocivo para a produção agrícola: produzir muito somente para enriquecer e se for de seu interesse, queimar tudo sem nunca doar; produzir plantas nocivas como a papoula e outras das quais se extraem os alucinógenos; vender terras estéreis e especular visando o lucro imediato. Poderá provocar situações conflituosas com família e superiores, agindo contra todas as leis, principalmente as da natureza. Por agir dessa maneira suas atividades têm sempre um resultado medíocre.

EVANGELHO DO DIA 20 E COMENTÁRIO

Posted On 20 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Livro de Salmos 107(106),2-3.4-5.6-7.8-9.

Digam-no aqueles que o SENHOR resgatou, os que Ele libertou do poder do inimigo
fez regressar de todas as terras, do Oriente e do Ocidente, do Norte e do Sul.
Andaram errantes pelo deserto e pela solidão, sem encontrar caminho para uma cidade onde habitar.
Tinham fome e sede e já se sentiam desfalecer.
Mas, na sua angústia, clamaram ao SENHOR e Ele livrou-os das suas aflições.
Conduziu-os depois por um caminho seguro, que levava a uma cidade onde podiam habitar.
Dêem graças ao SENHOR, pelo seu amor e pelas suas maravilhas em favor dos homens.
Pois Ele deu de beber aos que tinham sede, e matou a fome aos famintos.

Evangelho segundo S. Mateus 22,34-40.

Constando-lhes que Jesus reduzira os saduceus ao silêncio, os fariseus reuniram-se em grupo. E um deles, que era legista, perguntou-lhe para o embaraçar: «Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?» Jesus disse lhe: Amarás ao Senhor, teu Deus, com todo o teu coração, com toda a tua alma e com toda a tua mente. Este é o maior e o primeiro mandamento. O segundo é semelhante: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas.»

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

Papa Bento XVI
Encíclica «Deus caritas est», § 18 (trad. © copyright Libreria Editrice Vaticana)

«Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas»

A necessária interacção entre o amor a Deus e o amor ao próximo […]. Se na minha vida falta totalmente o contacto com Deus, posso ver no outro sempre e apenas o outro, e não consigo reconhecer nele a imagem divina. Mas, se na minha vida negligencio completamente a atenção ao outro, importando-me apenas ser «piedoso» e cumprir os meus «deveres religiosos», então definha também a relação com Deus. Neste caso, trata-se duma relação «correcta», mas sem amor. Só a minha disponibilidade para ir ao encontro do próximo e demonstrar-lhe amor me torna sensível também diante de Deus. Só o serviço ao próximo abre os meus olhos para aquilo que Deus faz por mim e para o modo como Ele me ama.

Os Santos — pensemos, por exemplo, na Beata Teresa de Calcutá — hauriram a sua capacidade de amar o próximo, de modo sempre renovado, do seu encontro com o Senhor eucarístico, e vice-versa, este encontro ganhou o seu realismo e profundidade precisamente no serviço deles aos outros.

Amor a Deus e amor ao próximo são inseparáveis, constituem um único mandamento. Mas, ambos vivem do amor preveniente com que Deus nos amou primeiro. Deste modo, já não se trata de um «mandamento» que do exterior nos impõe o impossível, mas de uma experiência do amor proporcionada do interior, um amor que, por sua natureza, deve ser ulteriormente comunicado aos outros. O amor cresce através do amor. O amor é «divino», porque vem de Deus e nos une a Deus, e, através deste processo unificador, nos transforma em um Nós, que supera as nossas divisões e nos faz ser um só, até que, no fim, Deus seja «tudo em todos» (1 Cor 15, 28).

ASSISTA O DUELO FINAL ENTRE SHANE (ALAN LADD ) E WILSON (JACK PALANCE) EM SHANE – VALE A PENA VER DE NOVO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


PIADA DO DIA

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O turco morre e seus filhos compram um caixão em promoção.

No cemitério, o coveiro diz:

Esse não da não. É muito pequeno!

Na mesma hora, o filho mais velho diz:

Habib, corre la em casa e bega o serrote bara serrar os pés do babai!

LULA VETA E MANOBRA CONTRA O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


A decisão do  sr. Luiz Inácio Lula da Silva de vetar 603 ações do anexo de metas e prioridades da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDOLei que define as metas e prioridades da administração pública federal, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro subseqüente, orienta a elaboração da Lei Orçamentária Anual, dispõe sobre as alterações na legislação tributária e estabelece a política de aplicação das agências financeiras oficiais de fomento. ) foi criticada pelo Tribunal de Contas da União (TCUÓrgão auxiliar do Congresso Nacional que tem por atribuição o controle externo dos atos financeiros, orçamentários, contábeis, operacionais e patrimoniais dos Poderes da República. ), que viu na medida uma carta branca para que o próprio governo possa executar o Orçamento de 2011 sem considerar os objetivos traçados pelo Congresso.O projeto da LDO aprovado no Congresso determinava que as prioridades do próximo ano corresponderiam ao anexo construído pelos parlamentares e aos projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).Com os vetos do  sr  Lula ao anexo, sobrou apenas o PAC, um programa que não é fechado – é comum que obras com execução em atraso saiam da lista para dar lugar a outras mais avançadas. Com isso, segundo avaliação do TCU, os vetos acabaram por dar ao Executivo uma grande discricionariedade na definição das metas de 2011.“Existe uma indefinição do que seja PAC. Não tem uma lei dizendo o que é o programa”, disse o secretário-adjunto de Planejamento e Procedimentos do TCU, Marcelo Eira. Segundo ele, os vetos mostram falta de planejamento do governo e dificuldade no estabelecimento das prioridades.

ELES FIZERAM O CINEMA : ANSELMO DUARTE

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Anselmo Duarte Bento (Salto, 21 de abril de 1920São Paulo, 7 de novembro de 2009) foi um ator, roteirista e cineasta brasileiro. Começou no cinema como figurante no inacabado filme de Orson Welles no Brasil, “It’s All True” (1942). Com “Carnaval no Fogo” (1949), produzido na Atlântida e dirigido por Watson Macedo, ele se torna um dos maiores galâs que o cinema brasileiro já teve.Em 1951, Anselmo Duarte é contratado pela Vera Cruz, ganhando, então, o maior salário da empresa. Seu primeiro filme na companhia, como ator, foi “Tico-Tico no Fubá” (1952), sendo um grande sucesso. Estréia na direção com “Absolutamente Certo” (1957), mostrando-se ser, depois, um grande diretor de cinema.Ganhou a Palma de Ouro e o Prêmio Especial do Júri no Festival de Cannes em 1962 com O Pagador de Promessas, filme que também concorreu ao Oscar melhor filme estrangeiro.

MITOS DO FUTEBOL BRASILEIRO : KAFUNGA DO ATLETICO MINEIRO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O Kafunga foi um exemplo de dedicação ao Atlético. Entre 1935 e 1955, Cafunga foi o goleiro do clube mineiro, único clube que defendeu em sua carreira. Durante o longo reinado, na meta, no setor administrativo e a direção técnica, Cafunga foi um colecionador de títulos.
Em 1935, depois de uma fragorosa derrota dos fluminenses diante dos mineiros por 11×1, o Atlético contratava o goleiro da seleção do Estado do Rio de Janeiro que, apesar de implacavelmente massacrado pelos mineiros, fora a maior figura do campo. Chamava-se Olavo Leite Bastos, o jovem arqueiro, mas esportivamente era conhecido como Cafunga. No gol atleticano, ele estabeleceu um longo reinado. Durante vinte anos foi absoluto na meta alvinegra. Era insubstituível também na seleção mineira.

Era um colecionador de títulos. Os longos anos lhe deram muitas alegrias e, certamente, algumas decepções. Viveu grandes jornadas no clube atleticano. Em 1938 foi campeão mineiro e campeão dos campeões do Brasil. No ano seguinte conquistou o bi campeonato mineiro. Repetiu a proeza em 1941 e 1942, este último sem um empate sequer. Voltou a ser bi campeão em 1946 e 1947, assim como em 1949 e 1950. Em 1952, 53, 54 e 55 conquistou um tetra campeonato. Abandonou as chuteiras foi emprestar seus serviços ao Atlético em todos os setores da administração. A cidade de Belo Horizonte lhe conferiu o titulo de Vereador Municipal.

PRESENÇA DE ÁGUA NA LUA É UM MISTÉRIO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Nove meses depois de lançar um projétil contra a Lua e descobrir sinais de água no material ejetado pela colisão, cientistas ainda não sabem qual a origem da substância no satélite natural da Terra, informa a Nasa.Pesquisadores que participam, nesta semana, do Fórum de Ciência promovido pela agência espacial em Mountain View, na Califórnia, sabem que a água lunar se concentra em lagos ou lagoas, mas não em depósitos vastos como um oceano, e acreditam que ela pode ter chegado à Lua em cometas, asteroides ou ter surgido lá mesmo. Mas a explicação exata ainda não foi encontrada.

OS GOVERNOS ÁRABES NÃO AJUDAM COMO DEVERIAM OS IRMÃOS PALESTINO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Os governos árabes reduziram sua ajuda financeira à Autoridade Palestina neste ano, segundo cifras obtidas pela Reuters, e a ONU alertou para uma iminente crise financeira entre os palestinos.

“Os árabes não estão pagando. Pedimos a eles que cumpram suas promessas financeiras”, disse Saleh Rafat, membro do comitê executivo da Organização para a Libertação da Palestina, e um dos poucos funcionários locais dispostos a falar sobre o assunto.

Governos árabes contatados pela Reuters não quiseram comentar a questão.

PARA MEDITAR UMA PARTE DO ALCORÃO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


28.  Como  ousais negar a Allah, uma vez que nada éreis e Ele vos deu a vida, depois vos fará morrer, depois vos ressuscitará e então retornareis a Ele ?  ( Alcorão, 2a sURATA,  , AL BÁCARA)

ANJO DIA 19 DE AGOSTO – REZE COM ELE

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


ACHAIAH
Categoria:
Serafim

Príncipe:
Metatron

Protege os dias:
26/03 – 07/06 – 19/08 – 31/10 – 12/01

Número de sorte:
10

Mês de mudança: outubro

Carta do tarô:
A roda da fortuna

Está presente na Terra:
de 2:00 às 2:20 da manhã

Salmo:
102

O Anjo:
Invoca-se este anjo para ter mais paciência. Ele facilita o descobrimento dos segredos da natureza e influencia a propagação de luzes no trabalho

Influência:
“Quem nasce sob esta influência tem muita espiritualidade, mas ao mesmo tempo tem os pés no chão, olha para o horizonte e tem a mente nas estrelas. Mesmo que não tenha oportunidades de instrução, terá muita influência e muito conhecimento. Está sempre a “espreita” para não deixar escapar qualquer oportunidade e tem proteção espiritual (intuição) para aceitar riscos perigosos. É obstinado, tenaz e possui uma enorme necessidade de conhecer todos os lados de uma questão. É altruísta, imensamente paciente e compreensivo com tudo e com todos. Aplicará os conhecimentos da natureza em máquinas ultra sensíveis, para contatar com as plantas, animais ou mesmo com o cérebro humano.”

Profissionalmente:
Poderá fazer sucesso como artista de televisão, de cinema ou trabalhando com produtores na edição de vídeos ou filmes. Seu trabalho será marcado pela originalidade e usará a tecnologia na divulgação das artes. Poderá trabalhar na comercialização de novos aparelhos ou utilizar microcomputadores para consertos de meios de comunicação e sistemas de precisão.

Anjo Contrário:
É inimigo das luzes e domina a negligência, a apatia, a preguiça e a inconstância nos estudos. A pessoa sob a influência deste anjo contrário é parada, estagnada, não cumpre as promessas, não sabe enfrentar dificuldades e não tem altruísmo ou generosidade. Só será compreensiva quando as evidências estiverem em suas mãos. Poderá ser militante de partidos políticos que exploram a violência e terá dificuldade de falar e se fazer entender. Fechada em seu pequeno mundo que lhe aparece atraente, não percebe a sua decadência.

EVANGELHO DO DIA 19 E COMENTÁRIO

Posted On 19 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Livro de Salmos 51(50),12-13.14-15.18-19.

Cria em mim, ó Deus, um coração puro; renova e dá firmeza ao meu espírito.
Não me afastes da tua presença, nem me prives do teu santo espírito!
Dá-me de novo a alegria da tua salvação e sustenta me com um espírito generoso.
Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos e os pecadores hão de voltar para ti.
Não te comprazes nos sacrifícios nem te agrada qualquer holocausto que eu te ofereça.
O sacrifício agradável a Deus é o espírito contrito; ó Deus, não desprezes um coração contrito e arrependido.

Evangelho segundo S. Mateus 22,1-14.

Tendo Jesus recomeçado a falar em parábolas, disse-lhes: «O Reino do Céu é comparável a um rei que preparou um banquete nupcial para o seu filho. Mandou os servos chamar os convidados para as bodas, mas eles não quiseram comparecer. De novo mandou outros servos, ordenando-lhes: ‘Dizei aos convidados: O meu banquete está pronto; abateram-se os meus bois e as minhas reses gordas; tudo está preparado. Vinde às bodas.’ Mas eles, sem se importarem, foram um para o seu campo, outro para o seu negócio. Os restantes, apoderando-se dos servos, maltrataram-nos e mataram-nos. O rei ficou irado e enviou as suas tropas, que exterminaram aqueles assassinos e incendiaram a sua cidade. Disse, depois, aos servos: ‘O banquete das núpcias está pronto, mas os convidados não eram dignos. Ide, pois, às saídas dos caminhos e convidai para as bodas todos quantos encontrardes.’ Os servos, saindo pelos caminhos, reuniram todos aqueles que encontraram, maus e bons, e a sala do banquete encheu-se de convidados. Quando o rei entrou para ver os convidados, viu um homem que não trazia o traje nupcial. E disse-lhe: ‘Amigo, como entraste aqui sem o traje nupcial?’ Mas ele emudeceu. O rei disse, então, aos servos: ‘Amarrai-lhe os pés e as mãos e lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes.’ Porque muitos são os chamados, mas poucos os escolhidos.»

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

São Gregório Magno (c. 540-604), papa e Doutor da Igreja
Homilias sobre o Evangelho, nº 38

«Felizes os convidados para as núpcias do Cordeiro» (Ap 19, 9)

Compreendestes quem é o Rei, Pai de um Filho que também é Rei? É Aquele acerca de Quem o salmista afirmava: «Ó Deus, dai o Vosso juízo ao rei e a Vossa justiça ao filho do rei» (71, 1). […] Ele «preparou um banquete nupcial para o seu filho»; ou seja, o Pai celebra as núpcias do Rei Seu Filho, a união da Igreja com Ele, no mistério da encarnação. E o seio da Virgem Maria foi o quarto nupcial deste Esposo. Por isso, há outro salmo que diz: «Do sol fez a Sua tenda, Ele mesmo é como um esposo que sai do seu pavilhão de núpcias» (18, 5-6). […]

Ele mandou os servos convidar os amigos para esta boda. Enviou-os uma vez, e depois uma segunda vez, ou seja, primeiro os profetas, depois os apóstolos, a anunciar a encarnação do Senhor. […] Pelos profetas, anunciou como futura a encarnação do Seu Filho único, pelos apóstolos pregou-a, depois de realizada.

«Mas eles, sem se importarem, foram um para o seu campo, outro para o seu negócio»; ir para o campo consiste em prestar atenção exclusivamente às tarefas deste mundo; ir para o negócio consiste em procurar avidamente o próprio lucro nos negócios deste mundo. Um e outro esquecem o mistério da encarnação, não conformando a sua vida com ele. […] Mais grave ainda é o caso daqueles que, não se contentando em desprezar os favores Daquele que os chama, ainda O perseguem. […] Mas o Senhor não ficará com lugares vazios no festim das núpcias do Rei Seu Filho. Manda procurar outros convivas, porque a Palavra de Deus, permanecendo embora ainda ignorada por muitos, encontrará um dia onde repousar. […]

Mas vós, irmãos, que pela graça de Deus já entrastes na sala do festim, isto é, na Santa Igreja, examinai-vos atentamente, não vá acontecer que, ao entrar, o Rei encontre algum reparo a fazer na veste da vossa alma.

A PIADA DO DIA

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O POLITICO CHEGA NO CEU

O Político morre e vai para o céu.
Chegando lá, São Pedro diz:
– Olá meu amigo, bem-vindo ao Céu! Por incrível que pareça você está na lista para entrar no céu, mas como você foi político na Terra temos um procedimento extra antes de você entrar. É o seguinte: você vai poder passar 24hs aqui no céu e logo depois, vai passar 24hs no inferno. Aí então você poderá decidir onde quer ficar.
O político achou muito bom, passeou pelo céu e viu um monte de jardins cheios de anjos e nuvens, música celestial, uma paz incrível, e ficou impressionado. Logo depois disto pegou um elevador e foi conhecer o inferno. Chegando lá o Capeta o recebeu em pessoa:
– Olá meu amigo… Seja bem vindo ao Inferno! Aqui você vai ser tratado como um rei! Poderá comer e beber de tudo que quiser, a qualquer hora, e é tudo grátis! Temos as mais bonitas mulheres, os melhores carros, tudo do bom e do melhor, e tudo aqui é seu também. Pode ficar a vontade e aproveitar tudo o que você quiser!
O político ficou pasmo. O inferno era realmente tentador. Depois de 24hs ele voltou ao céu para falar com São Pedro e comunicar sua decisão:
– São Pedro, eu agradeço muito a sua gentileza de me convidar para entrar no céu, mas para ser sincero, depois que eu conheci o inferno e fui tão bem recebido pelo capeta que devo dizer que minha decisão final é ir morar no inferno mesmo! Você nem imagina como é lá!
– Tudo bem, seu político, a decisão é sua, e devo respeitar!!!
Dizendo isto, São Pedro colocou o político de volta no elevador e o mandou de volta para o Inferno. Quando o político chegou lá, ele entrou e viu um lugar terrível! Um lixão, que cheirava muito mal, um monte de gente gritando e sofrendo, tudo de pior que ele já havia imaginado que pudesse existir e muito mais. Então ele procurou o capeta e perguntou:
– Seu capeta, ontem mesmo eu vim aqui e você me mostrou um lugar incrível onde eu ia morar e aproveitar o resto da minha vida!? Cadê aquele lugar maravilhoso? O que aconteceu? Não estou entendendo!
– Ah, seu político… É que ontem a gente queria o seu voto, e hoje nós já ganhamos a eleição!”

VOCÊ SABE O QUE SIGNIFICA “ALCORÃO” ?

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


alcorão

[Do ár. al-qurAYn, ‘o que deve ser lido.]
Substantivo masculino.
1.O livro sagrado da religião muçulmana. [É a compilação do conjunto das revelações de Deus, Alá, ao profeta Maomé (c.570-632), e compreende a doutrina religiosa e a codificação da vida civil e social islâmica.]
2.P. ext. V. maometismo. [Com cap., na acepç. 1.] [Pl.: alcorões e alcorães.]

( Verbete extraido do Aurélio )

ELES FIZERAM O CINEMA : GLORIA SWANSON

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Assisti, ontem, mais uma vez  ” Crepúsculo dos Deuses” com a  grande Gloria Swanson  (1897-1983) que foi uma das grandes vamps de Hollywood e a estrela preferida de Cecil B. de Mille que  aparece numa parte do filme.  É uma bela e triste história de uma grande estrela, Norma Desmond ,que vive isolada numa mansão decadente  que reflete também sua decadência e ostracismo porque os estúdios não a convidam mais para novos filmes.  Ela, contudo, permanece  achando que milhõs de fãs esperam o se retorno e isto é alimentado pelo seu criado e também ex-marido Erich Von Stroheim que  coloca no correio inúmeras cartas que ela  recebe  julgando ser de fãs.  É um clássico  em preto e branco e teve a direção de Billy Wilder.  O texto é de qualidade e o filme ganhou  em 1950 três  Oscars. Swanson fez  este filme  quando já estava com 53 anos e mesmo nessa idade mostra  a beleza e  grande interpretação.  Ela fez parte daquele rol de grandes astros que fizeram Hollywood  e levaram o cinema ao nível de Arte.

ÍDOLO DO FUTEBOL : JAIR ROSA PINTO

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Biografia

Jair Rosa Pinto (Barra Mansa, 21 de março de 1921), foi um jogador de futebol do Flamengo nascido em Barra Mansa no Rio de Janeiro. Apesar de magrinho, o fortissimo chute de esquerda de Jair foi o terror dos goleiros por vinte anos. Uma das partidas mais importantes da sua carreira foi a decisão do Campeonato Paulista de 1950. Seu time, o Palmeiras, precisava de um empate, mas perdia por 1×0 para o São Paulo num campo enlameado. No intervalo, Jair deu uma dura como nunca se viu em seus companheiros, exigindo um reação. Quando começou o segundo tempo, ele saiu driblando os adversários e as poças d’água, dando o passe na medida para o centroavante Aquiles. O resultado de 1×1 garantiu o titulo e Jair se transformou em herói do Palmeiras, aquela final ficou conhecida como o “Jogo da Lama”. Ele também foi vice-campeão da Copa do Mundo em 1950. Teve 41 participações na Seleção Brasileira, marcando 24 gols.  ( dO SITE DO FLAMENGO )

CARTAS DOS LEITORES DA FOLHA DE SÃO PAULO

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Eleições
Muita curiosa a estratégia de Dilma Rousseff de tratar de forma “amena” o período em que ficou presa nos anos 70, ainda mais para servir como “vacina” contra ataques da oposição (“Na TV, Dilma usa “vacina” e fala da prisão”, Poder, ontem).
Como faz tempo que não temos oposição de verdade aqui no Brasil, e já que quanto maior é a mentira parece ser mais fácil enganar o povo, quem quer mesmo saber das coisas não tem preocupação com o fato “prisão da Dilma”. Essas pessoas querem saber qual o verdadeiro compromisso de Dilma com a democracia.
Isso é simples, porque nos anos 70 ela foi militante ativa de um grupo da chamada “luta armada”, que queria derrubar uma ditadura militar de direita para colocar em seu lugar uma outra ditadura, essa de esquerda. Isso tudo são conceitos ultrapassados no mundo contemporâneo.
Entre muitas outras coisas, queremos ver Dilma e seu “padrinho” falando sobre respeito às leis, e não debochando da legislação eleitoral.
CARLOS ANTÔNIO BARROS DE MOURA (São Paulo, SP)

Saúde
Após ler a reportagem “Planos de saúde só pagam 2% das multas aplicadas” (Cotidiano, ontem), perguntei-me: o que é na verdade a Agência Nacional de Saúde Suplementar?
É um órgão que tem por finalidade evitar o abuso das gestões particulares de fornecimento de saúde ou simplesmente uma agência que nada regula, nada faz, nada sabe?
Via de regra, as agências existem para conter abusos e para cobrar efetividade. Não é por acaso que os índices de reclamações de planos de saúde batem recordes anualmente, vide o sítio do Procon de São Paulo.
MARCOS ANTONIO DE LUCENA (São Paulo, SP)


Existe um evidente e vergonhoso caso de conflito de interesses na ANS. O seu presidente, Maurício Ceschin, é ex-presidente de duas grandes operadoras de planos de saúde de São Paulo (grupo Qualicorp e Medial Saúde).
Com os outros membros da diretoria colegiada não é diferente (basta ver o site da agência).
Nos últimos dez anos, a ANS autorizou 131% de reajuste sobre os usuários, mas só reajustou em 60% os honorários médicos, ante uma inflação de 100% no período. Quem perdeu mais, os médicos ou os usuários? Quem ganhou? Colocaram as raposas para cuidar do galinheiro?
VICENTE F. C. ANDRADE, endocrinologista (Curitiba, PR)

Vasectomia
Pode ter aumentado, mas mesmo assim é ridículo o número de homens que fazem vasectomia (“Aumenta a procura por vasectomia”, Saúde, ontem).
É só comparar esse dado com a venda de anovulatórios, preservativos, DIUs etc. O Brasil deveria pagar pela vasectomia.
RONALDO JOSÉ NEVES DE CARVALHO (São Paulo, SP)

Educação
Lamentável o envio de 11 mil livros com linguagem chula às bibliotecas de escolas públicas (“MEC entrega a adolescentes livro que narra estupro”, Cotidiano, 12/8).
Palavrões e linguagem chula não formam uma personalidade sadia, responsável, nobre. Pelo contrário. Tiram da criança e do adolescente o direito absoluto a uma formação que lhes assegure dignidade, integridade de caráter e progresso intelectual.
MARLI MIRA HOELTGEBAUM (São Paulo, SP)

SONETO DE UMA PAIXÃO

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


AMOR E  ÓDIO

Procuro esquecer-te, e não posso.

Quero odiar-te, mas te amo.

Não quero ver-te, mas te chamo

Não quero, e quero, o amor nosso.

Renegue-me, atire-me num fosso

E lá da  profundeza eu te reclamo

Eu te desprezo, te odeio, te difamo

E logo em meu coração te emposso.

Procuro advinhar o que se passa em mim.

E fico sempre quase na mesma.  Enfim,

Entre o amor e o ódio, sem solução.

E este amor desgraçado, deixa-lo não sei.

É mesmo um dilema que não alcancei.

Pois não está em mim.  Mas, no coração.

Fevereiro de 1926

José Ribeiro de Almeida Sobrinho

O DIA DE HOJE NA HISTÓRIA SEGUNDO A BARSA

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Você sabe o que aconteceu no dia…?

18
AGOSTO

// <![CDATA[//

Agosto
01 02 03 04 05 06 07 08
09 10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

<!–

–>

1951
O Exército dos EUA anuncia o desenvolvimento da primaquina, uma droga sintética que possibilita a cura rápida e efetiva da malária.
1966
O satélite lunar americano Orbiter começa a enviar à Terra fotos do solo da Lua.
1986
O secretário-geral do Partido Comunista da URSS anuncia que seu país prorrogará a suspensão unilateral dos testes nucleares até 1º de janeiro de 1987.
1989
Pistoleiros a serviço do cartel de Medellín matam a tiros Luís Carlos Galán, candidato favorito à presidência da Colômbia.
1993
Submarino francês colide com um petroleiro da Shell diante da costa da Riviera francesa, provocando o derramamento de 2.000 metros cúbicos de óleo.
1993
Um incêndio destrói a mais antiga ponte coberta da Europa, construída no século XIV em Lucerna, Suíça.
1994
Brasil e Bolívia prorrogam por doze meses o acordo para a construção de um gasoduto entre Santa Cruz de la Sierra e São Paulo.
1996
Uma empresa americana de genética põe à venda pela internet e em congressos científicos amostras do código genético de índios de duas tribos brasileiras, os caritianas e os suruís.
1827 Trotski y Zinoviev son expulsados del PCUS.

ANJO DO DIA 18 DE AGOSTO SEGUNDO MONICA BUONFIGLIO : REZE COM ELE

Posted On 18 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


LELAHEL
Categoria:
Serafim

Príncipe:
Metatron

Protege os dias:
25/03 – 06/06 – 18/08 – 30/10 – 11/01

Número de sorte:
6

Mês de mudança: junho

Carta do tarô:
Os enamorados

Está presente na Terra:
de 1:40 às 2:00 da manhã

Salmo:
9

O Anjo:
ste anjo é invocado contra as pessoas maldosas e para adquirir iluminação na realização de atos de cura. Ele domina as artes, a fortuna, as ciências e o amor.

Influência:
“Quem nasce sob esta influência tem muita força para cortar o mal. É dotado de grande idealismo e equilíbrio. Está sempre pronto a ajudar os que necessitam, chegando mesmo a fazer “sacrifícios”, agindo de forma desinteressada. É portador de um jóia rara chamada “luz interior”. Algumas vezes pode lhe faltar força de vontade, ou mesmo abandonar o campo de batalha, mas então ocorre o renascimento, o ouroboros, a serpente que morde a própria cauda, no sentido explícito da regeneração. Sempre com sua inteligência aberta e alerta, faz com que a palavra “impossível” não faça parte do seu dicionário. Sente a proteção de Deus e do mundo angelical, podendo ter forte contato psíquico com seu anjo de guarda, não sendo difícil também o contato com inteligências de outras galáxias (ETs). Tem facilidade em captar mensagens e psicografá-las, entrando em sintonia com o mundo dos mortos (espiritismo) ou mesmo de forma inconsciente mexer objetos. O desconhecido o atrai e fascina. Desenvolve de forma científica os conceitos que lhe são enviados do Astral, podendo através de análises e estudos sobre textos tradicionais a respeito de anjos, simplificá-los a fim de que todos possam entender a beleza desta ciência. Trabalhará para ter seu nome honrado e conhecido por todos e usará seu conhecimento para grandes causas, principalmente para melhorar o nível de vida, de consciência e de cultura dos semelhantes. Por ser adepto da ciência e tecnologia não convencionais, terá idéias e sugestões para a construção de hospitais modelo e técnicas de curas espirituais ou com a utilização de cristais.”

Profissionalmente:
Poderá ser um excelente astrólogo ou optará pela medicina tradicional ou alternativa. Obterá celebridade pela literatura, especializando-se em temas futuristas ou de ficção. Artista célebre, vedete, estará sempre em evidência. Por ser eternamente amoroso e apaixonante, as pessoas estarão sempre colocando-o num pedestal. Sua vida será surpreendente, conquistando sempre seu próprio espaço no lar e no trabalho.

Anjo Contrário:
“Domina a prostituição, a fraude, o plágio, a extorsão e o excesso de ambição. A pessoa sob a influência deste anjo contrário, será célebre por usar a força do “inverso” da potência dos anjos, para atender somente a seu egoísmo e interesses próprios. Será conhecida na história como uma pessoa ambiciosa, perigosa, sem equilíbrio e que nada realizou. Explorará o dinheiro dos outros, podendo arriscar tudo em negócios fantásticos e imaginários.

A PIADA DO DIA

Posted On 17 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Numa faculdade de medicina

Numa faculdade de medicina, o professor diz:
Os Médicos têm que aprender duas coisas importantes:
1º – Ter sempre muita atenção
2º – Nunca ter nem um pouco de nojo
Por isso, vamos fazer um teste:
Trouxeram um cadáver e o professor enfiou o dedo no  anus  do morto, lambeu e mandou todos fazerem o mesmo.
Todos se entreolharam, com cara de nojo, mas fizeram o mesmo. Depois que todos lamberam o dedo, o professor disse:
– Ótimo!!! – Nojo vocês não tem. Agora só falta a atenção, pois eu enfiei um dedo e lambi o outro!!!

VOCÊ SABE O QUE SIGNIFICIA ” pecado original ” ?

Posted On 17 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


A Bíblia,  no seu primeiro livro, Gênese  conta que o primeiro casal, Adão e Eva, vivia no Paraíso e seria imortal,  Deus lhes teria dado uma proibição : a de que não comessem do fruto da ciência do do Bem e do Mal.  Eva teria sido enganada pela serpente ( Satanás) que  argumentou que se ela comesse do fruto seria tão poderosa quanto  Deus e conheceria o Bem e o Mal.  Eva comeu daquele fruto que  se atribui à maçã e deu a Adrão.  Com esta desobediência foram expulsos do Éden, o Paraíso, e ficaram mortais.  Este pecado de “origem”  passou a todos os descendentes do primeiro casal e explica  todo o Mal que existe no mundo e a morte.  Outras religiões, como o Budismo, Xintoísmo não  aceitam este pecado original.

ELES FIZERAM O CINEMA – Alan Ladd .

Posted On 17 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Alan Ladd (  1913-1964)   gravou definitivamente sua imagem do heroi no grande farwest ” Os Brutos também Amam “, o Sshane, que enfrenta os pisteleiros  num duelo final que George Stevens colocou toda sua arte de diretor.  Era baixinho, 1, 65 e  trabalhou 10 anos em  filmes sem importância até atingir oestrelato como homem durão, alma turturada e matador vingativo em ” Alma Torturada” e o silitário Dashel Hammett   em A Chave de Vidro.   Teve um final de vida trágico e tentou o suicídio em 1962 misturando alcool com drogas.  Lamentável.  Mas ficou na minha memória o seu curto diálogo  com Jack Palance em “Shane”  e que foi apresentado pela câmara  pelos olhos do menino.  No final ele parte para as montanhas e recusa ficar  porque sabe que sua permanência acabaria com o casamento de  de Van Cleef.  Vale a pena ver muitas vezes  o “Shane”.

ANO DO DIA 17 DE AGOSTO – REZE COM ELE

Posted On 17 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


17 de agosto de 2009.
MAHASIAH
mahasiah2

O Anjo: Invoca-se este anjo para se viver em paz com todo mundo. Este anjo exerce domínio sobre a filosofia a teologia, as altas ciências, as artes e as profissões liberais.

Influência: Quem nasce sob esta influência, aprenderá tudo fácil e rapidamente, inclusive idiomas, porque traz lembranças de outras encarnações. Está sempre transformando, nascendo, morrendo e renascendo em todas as áreas, tanto na vida sentimental como profissional. É dotado de grande equilíbrio interior, senso de justiça, generosidade e sabedoria; não medirá esforços para o crescimento espiritual, tanto seu quanto de sua família. Age sempre de acordo com as leis, sociais ou humanas. É um exemplo de virtude e a luz intensa de sua aura pode ser vista claramente nos ombros e na cabeça. A sua verdade está na razão lógica, abordada através dos estudos de filosofia. Tem facilidade em trabalhar com cerimônias “mágicas”, forças espirituais e comunicação com os anjos; estará a serviço do mundo angelical. Gostará de centros de meditação, de conferências, congressos e seminários espiritualistas. Conserva sempre a consciência, quando utiliza a espiritualidade. Servirá exclusivamente a sua verdade, que é o seu Deus. Terá tendência a viver de forma suntuosa. Sua casa poderá ser ampla, clara, confortável, repleta de flores, objetos simbólicos e provavelmente contará com uma grande biblioteca.

Profissionalmente: Poderá ter sucesso nas artes plásticas, provavelmente pintura, decoração ou trabalho com objetos de arte, usando para isso seu gosto refinado e dom natural para as artes.

Anjo Contrário: Domina a ignorância, a libertinagem e todas as más qualidades do corpo (comer e beber demais) e do espírito (desequilíbrios psicológicos). Quem é dominado por este anjo contrário, poderá explorar a boa fé dos amigos e familiares através da superstição, ter tendência à perversão nos assuntos espiritualistas fazendo uso da magia negra. Poderá ser um fanático religioso, defensor das convenções morais, falando sobre leis e dogmas, sem compreender ou estudar sobre o assunto. Poderá cinicamente considerar-se o melhor, com sua boa – mas falsa – conduta.

Categoria: Serafins
Príncipe: Metatron
Protege os dias: 24/03 – 05/06 – 17/08 – 29/10 – 10/01
Número de sorte: 12
Mês de mudança: dezembro
Carta do tarô: O enforcado
Está presente na Terra: de 1:20 à 1:40 da manhã
Salmo: 33

SALMO 33

1 Regozijai-vos no Senhor, vós justos, pois aos retos fica bem o
louvor.

2 Louvai ao Senhor com harpa, cantai-lhe louvores com saltério de
dez cordas.

3 Cantai-lhe um cântico novo; tocai bem e com júbilo.

4 Porque a palavra do Senhor é reta; e todas as suas obras são
feitas com fidelidade.

5 Ele ama a retidão e a justiça; a terra está cheia da benignidade
do Senhor.

6 Pela palavra do Senhor foram feitos os céus, e todo o exército
deles pelo sopro da sua boca.

7 Ele ajunta as águas do mar como num montão; põe em tesouros os
abismos.

8 Tema ao Senhor a terra toda; temam-no todos os moradores do mundo.

9 Pois ele falou, e tudo se fez; ele mandou, e logo tudo apareceu.

10 O Senhor desfaz o conselho das nações, anula os intentos dos
povos.

11 O conselho do Senhor permanece para sempre, e os intentos do seu
coração por todas as gerações.

12 Bem-aventurada é a nação cujo Deus é o Senhor, o povo que ele
escolheu para sua herança.

13 O Senhor olha lá do céu; vê todos os filhos dos homens;

14 da sua morada observa todos os moradores da terra,

15 aquele que forma o coração de todos eles, que contempla todas as
suas obras.

16 Um rei não se salva pela multidão do seu exército; nem o homem
valente se livra pela muita força.

17 O cavalo é vã esperança para a vitória; não pode livrar ninguém
pela sua grande força.

18 Eis que os olhos do Senhor estão sobre os que o temem, sobre os
que esperam na sua benignidade,

19 para os livrar da morte, e para os conservar vivos na fome.

20 A nossa alma espera no Senhor; ele é o nosso auxílio e o nosso
escudo.

21 Pois nele se alegra o nosso coração, porquanto temos confiado no
seu santo nome.

22 Seja a tua benignidade, Senhor, sobre nós, assim como em ti
esperamos.

EVANGELHO DO DIA 17 DE AGOSTO E COMENTÁRIO

Posted On 17 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Deut. 32,26.27-28.30.35-36.

Eu disse: ‘Vou destroçá-los; vou apagar do meio dos homens a sua memória.’
Se os hostilizasse como povo inimigo, não se ensoberbeceriam seus adversários? De certo diriam: ‘Foi o nosso poder que triunfou, não foi o Senhor que fez tudo isto!’
Eles são gente insensata, desprovida de inteligência.
Como poderia um só perseguir mil, e dois, pôr em fuga dez mil, se o seu Rochedo lhos não vendesse, se o Senhor lhos não entregasse?
A mim pertencem a vingança e a retribuição, quando o pé deles resvalar, pois está próximo o dia da sua ruína; depressa virá o seu destino.
O Senhor fará justiça ao seu povo e terá compaixão dos seus servos, ao ver que as suas mãos fraquejam, que já não há escravo nem homem livre.’

Evangelho segundo S. Mateus 19,23-30.

Jesus disse, então, aos discípulos: «Em verdade vos digo que dificilmente um rico entrará no Reino do Céu. Repito-vos: É mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha, do que um rico entrar no Reino do Céu.» Ao ouvir isto, os discípulos ficaram estupefactos e disseram: «Então, quem pode salvar-se?» Fixando neles o olhar, Jesus disse-lhes: «Aos homens é impossível, mas a Deus tudo é possível.» Tomando a palavra, Pedro disse-lhe: «Nós deixámos tudo e seguimos-te. Qual será a nossa recompensa?» Jesus respondeu-lhes: «Em verdade vos digo: No dia da regeneração de todas as coisas, quando o Filho do Homem se sentar no seu trono de glória, vós, que me seguistes, haveis de sentar-vos em doze tronos para julgar as doze tribos de Israel. E todo aquele que tiver deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos ou campos por causa do meu nome, receberá cem vezes mais e terá por herança a vida eterna. Muitos dos primeiros serão os últimos, e muitos dos últimos serão os primeiros.»

Da Bíblia Sagrada

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

São Pedro Damião (1007-1072), eremita e depois bispo, Doutor da Igreja
Sermão 9; PL 144, 549-553 (a partir da trad. Delhougne, Les Pères commentent, p. 49
9)

Deixar tudo para seguir a Cristo

Na verdade, é uma grande coisa «deixar tudo», mas ainda é ainda mais importante «seguir a Cristo» porque, como aprendemos através dos livros, muitos deixaram tudo mas não seguiram a Cristo. Seguir a Cristo é a nossa tarefa, o nosso trabalho, e nisso consiste o essencial da salvação do homem, mas não podemos seguir a Cristo se não abandonarmos tudo o que nos bloqueia. Porque «Ele sai, a percorrer alegremente o seu caminho, como um herói» [Sl 19 (18), 6] e ninguém pode segui-Lo carregado com um fardo.

«Nós deixámos tudo e seguimos-Te», diz Pedro, não apenas os bens deste mundo mas também os desejos da nossa alma. Porque quem continua apegado, nem que seja a si mesmo, não abandonou tudo. Mais ainda, não serve de nada deixar tudo à excepção de si mesmo, porque não há para o homem fardo mais pesado que o seu eu. Que tirano será mais cruel, que senhor será mais impiedoso para o homem do que a sua própria vontade? […] Por consequência, é necessário que deixemos os nossos bens e a nossa vontade própria se que queremos seguir Aquele que não tinha sequer «onde reclinar a cabeça» (Lc 9, 58) e que veio «não para fazer a [Sua] vontade, mas a vontade d’Aquele que [O] enviou» (Jo 6, 38).

ÍDOLOS DO FUTEBOL : DIRCEU LOPES DO CRUZEIRO

Posted On 16 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Dirceu Lopes Mendes, mais conhecido como Dirceu Lopes (Pedro Leopoldo, 3 de setembro de 1946) é um ex-futebolista brasileiro.

Dirceu Lopes colecionou títulos, gols e premiações nas décadas de 1960 e 1970 – campeão mineiro juvenil em 1964; pentacampeão mineiro 1965-1969; campeão da Taça Brasil em 1966; campeão da Copa Rio Branco pela seleção brasileira em 1967; artilheiro do campeonato mineiro de 1966 (18 gols); tetracampeão mineiro 1972-1975; vice-campeão brasileiro em 1974 e 1975; eleito o melhor meia dos campeonatos brasileiros de 1970, 1971 e 1973. Com Saldanha no comando da seleção canarinho, Dirceu Lopes era nome certo para a Copa do Mundo de 1970 no México, mas foi cortado pelo novo técnico Zagalo, que alegou já haver “muitos jogadores para a sua posição” no escrete.

Com seu 1,62 m, o Baixinho foi titular absoluto nos 12 anos em que atuou pelo Cruzeiro. Habilidoso e veloz, sua maior característica era arrancar pelo meio de campo com a bola dominada até a área adversária, vencendo seus marcadores com dribles desconcertantes. Tais lances desarrumavam as defesas adversárias e abriam espaços para os companheiros de ataque ou então para si próprio, pois chutava muito bem, colocado, com força e precisão. A presença de Dirceu Lopes em campo era garantia de bom espetáculo e belos gols. Junto com Tostão, formou uma das maiores duplas ofensivas do mundo, comparável a Pelé e Coutinho, no Santos e Gerson e Jairzinho, no Botafogo.

A POESIA DO DIA

Posted On 16 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Apresentação :  Edito um dos sonetos que meu pai escreveu nos anos 20 do século passado.  Papai  estudou apenas  até o terceiro ano  primário.  Era um homem que gostava de ler, ponderado, inteligente e seguindor, como não poderia deixar de ser, de Getúlio Vargas.  Na juventude teve uma grande paixão e para esta musa escreveu vários sonetos.  É desses sonetos que apresento  a seguir.

O CARNAVAL

vem Momo com seus cortejos deslumbrantes.

Mulheres seminuas, de saias sem barra.

Pobres e ricos, homens e crianças, estão delirantes.

Todos com um só fito.  O desbragamento, a farra.

Ninguém se lhe escapa.  A todos agarra,

Tornando-os submissos.  E nesses instantes,

O próprio pai, com seu filho esbarra.

Mas nada os detêm.  Estão ébrios…. ululantes.

Nesta correria louca, muitas vezes funesta.

Prosseguem sempre até as Cinzas, dia final.

Então olham para trás. Já nada resta.

Mas o tempo passa, e Momo outra vez volta.

Esquecem o passado, julgam-no banal.

E outra vez de gozo, ridentes, gritos solta.

Janeiro de 1926

José Ribeiro de Almeida Sobrinho

PARA ESTE FINAL DE SEMANA FIQUEMOS COM GENE KELLY CANTANDO NA CHUVA

Posted On 14 de agosto de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


Próxima Página »