POR QUE DEVEMOS LER OS AUTORES CLÁSSICOS ?

Posted On 1 de setembro de 2010

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response


O  conceito de   clássico, “classicus scriptor” (escritor clássico) foi usado no século II d.C pelo gramático Aulo Gélio segundo Houaiss.  Ele se referia aos grandes escritores da Grécia e de Roma.  São  clássicos Homero, com a sua Ilíada, Hesíodo no texto “Os trabalhos e os dias”, Ésquilo, o grande Cícero e Júlio César.  Quando fiz meu ginásio cheguei a ter o Latim como disciplina e nosso livro de VanDick Londres  da Nóbrega trazia textos de César e de Cícero para  tradução.

.   Os Renascimentos Italiano,  Espanhol  e   Português nos legaram vários clássicos.  Dante Alighieri, com sua “Divina Comédia” – da qual existe excelente tradução de Cristiano Martins – é um clássico. Da Espanha vem Miguel de Cervantes Saavedra com o seu “Dom Quixote de La Mancha”, e, de Portugal o nosso Luís de Camões com “Os Lusíadas”. Dante e Cervantes estão traduzidos para a nossa língua. A leitura de Camões não é nada fácil para os jovens de hoje devido a desculturação que invadiu nosso povo e que tem prejudicado profundamente a formação de uma identidade nacional.   Fala-se mal o português e escreve-se também com severa deficiência lingüística.  Não quero, contudo, desanimar ninguém.  A titulo de exemplo a leitura  de “Os Lusíadas” deve ser feita inicialmente  nos resumos, em prosa, dos Cantos.  Desta forma o leitor intera-se do “enredo” e tendo ao lado um bom dicionário da nossa língua deverá de cada canto, anotar as palavras cujo significado desconhece.  Uma segunda leitura será feita com o domínio dos significados e a beleza e o ritmo dos versos penetrarão fundo na alma do leitor. Mas se não gostar de ler poemas fica a sugestão de leitura e releitura do incomparável Eça de Queirós, do Júlio Dinis, do Almeida Garret, e, modernamente, os contos do Miguel Torga.  Quem não tiver esta disposição deverá começar a ler os clássicos do Brasil, e, neste caso, a leitura de Machado de Assis (1839-1908) é indispensável.   A editora Globo publicou em 1997 as “Obras Completas de Machado de Assis” que qualquer biblioteca pública deve ter.  Neste caso o leitor pode começar por “Dom Casmurro” ou “Memórias póstumas de Brás Cubas”.  Se ele ler estes dois romances não deixará de ler todo o Machado. Atualmente sugiro  a leitura dos romances de Josué Montello,do Heitor Cony, da Lygia Fagundes Telles e  do mineiro Pedro Nava.    Por que devemos ler os clássicos ?  Respondo que  é para que continuemos fiéis à nossa origem greco-latina-portuguesa e  dominemos  melhor nossa linguagem..  Como escreveu Ítalo Calvino “Os clássicos são livros que, quanto mais pensamos conhecer por ouvir dizer, quando são lidos de fato mais se revelam novos, inesperados, inéditos”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s